.

Geraldo diz que candidatura de Câmara ganha força com apoio de prefeitos do PTB

bruno-624x413

Tido como uma vitrine para a campanha do PSB ao Governo do Estado, o prefeito Geraldo Julio (PSB) afirmou na manhã desta quarta-feira (23) que a campanha do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) ganha “muita força” com o apoio de prefeitos do PTB. Câmara disputará a sucessão estadual contra o senador Armando Monteiro (PTB).

“A gente está vendo a quantidade de partidos que estão com ele, a quantidade de lideranças políticas, a quantidade de prefeitos, inclusive de partidos da candidatura de oposição que já estão apoiando a candidatura dele. Então, é uma candidatura que vai ganhando muita força”, afirmou.

Há quatro dias, Paulo Câmara conseguiu o apoio do prefeito de Gravatá, Bruno Martiniano (PTB), que chegou a ser criticado por Armando Monteiro (PTB). Nesta quarta, o comentário é que a prefeita de Arcoverde, Madalena Brito (PTB), pode aderir aos socialistas.

Para Geraldo Julio, a campanha de Câmara está indo muito bem, principalmente por causa da primeira pesquisa de intenção de voto do Instituto Maurício de Nassau, divulgada em primeira mão pelo Blog de Jamildo, que mostra o socialista com 12% da preferência do eleitorado, apesar de ser bem menos conhecido que Armando, que possui 39%.

A diferença é ainda menor no Recife, onde o candidato do PSB já tem 23% na pesquisa. “Eu tive 6% na minha primeira pesquisa. Ele, já na sua primeira, tem quatro vezes mais do que eu tive”, argumenta o prefeito.

Vaquejada

Clênio Sandes (Mané Garapa), lança DVD em Petrolina – PE nesta sexta-feira (25)

10250049_317322778419329_7490610817167091819_n

CLAS

A noite da próxima sexta-feira (25), em Petrolina – PE, promete uma mistura explosiva de humor, causos, piadas, cordel e muita poesia. Será lançado às 21h, no Barbaresco Beer – Avenida do Cajueiro, bairro da Areia Branca (próximo ao Rei do Charque), o primeiro DVD do cordelista e humorista Clênio Sandes.

Conhecido artisticamente por Mané Garapa, o também poeta e declamador alagoano radicado em Santa Maria da Boa Vista – PE, realiza neste primeiro trabalho uma mostra dos shows que vem apresentando em todo país, dividindo o palco com nomes consagrados, a exemplo de Jessier Quirino, Zé Lezim da Paraíba e Tom Cavalcanti.

Durante o show de lançamento do DVD, que vai contar com a participação de convidados especiais como os irmãos Maviael e Maciel Melo, Tico Seixas, Mariano Carvalho e Paulo Ferreira, Mané Garapa vai mostrar ainda toda uma versatilidade com a palavra, já comprovada através do programa Forró, Versos e Poesia – líder de audiência na Rádio Boa Vista FM (99.3).

Após o lançamento em Petrolina, o artista Clênio Sandes, que também coordena projetos culturais, a exemplo do Cordelando no São Francisco e Cordel Triunfante em Triunfo – PE, segue em turnê pelos municípios pernambucanos de Serra Talhada – PE, Triunfo e Cabrobó.

.

Morre advogada Margarida Barros, esposa do presidente dos Diários Associados do Nordeste

20140423131342975041o

Aos 64 anos de idade, faleceu nesta quarta-feira, a advogada Margarida Lyra dos Anjos Barros, 64 anos, casada com o presidente dos Diários Associados do Nordeste, Joezil Barros, deixando uma filha, a arquiteta Rafaella Lyra, casada com o empresário Murilo Ramos.

Nascida em São José da Laje, em Alagoas, ela veio cedo para o Recife, tendo sido interna na Associação Cristã Feminina. Estudou no Colégio Agnes Eskine, formou-se em Direito pela Faculdade de Olinda. Margarida era diretora aposentada do Tribunal Regional do Trabalho 6º Região. Tinha oito irmãos.

Margarida foi vítima de câncer de mama, que resultou em falência múltipla dos órgãos. Foi operada duas vezes, no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. O velório acontece a partir das 14h desta quarta-feira, no Cemitério Morada da Paz, em Paulista. O corpo será cremado nesta quinta-feira, às 11h.

http://www.diariodepernambuco.com.br/

.

Armando e João Paulo percorrem o Estado com o Projeto Pernambuco 14

Jo_o_Paulo_e_Armando_Monteiro
O senador Armando Monteiro (PTB), pré-candidato a governador, e o deputado federal João Paulo (PT), pré-candidato a senador, participam no próximo final de semana, dias 26 e 27, do Projeto Pernambuco 14, promovido em conjunto pelo PTB, PT, PSC, PROS e PRB. Serão 14 plenárias realizadas em todas as regiões do Estado e com o objetivo de debater com representantes da sociedade civil organizada e lideranças políticas os desafios de Pernambuco para os próximos anos.O lançamento do Pernambuco 14 ocorrerá no próximo sábado (26), a partir das 8h, no Centro Mariápolis, em Igarassu, Região Metropolitana do Recife. No domingo, às 14h, será a vez de Petrolina, no Sertão do São Francisco. Ao longo das próximas semanas serão realizadas outras 12 plenárias para discussão de temas como saúde, educação, qualificação profissional, segurança, infraestrutura, inclusão social e desenvolvimento econômico.

O Pernambuco 14 é o ponto de partida de um projeto mais amplo de discussão do futuro do Estado e que servirá de base para a elaboração do programa de governo da chapa encabeçada pelo senador Armando Monteiro. As lideranças e representantes da sociedade civil organizada, além da participação nas plenárias, serão estimulados a colaborar com ideias, projetos e propostas por meio da internet, de um site, de uma página no Facebook e por e-mail.

“Vamos articular em todas as regiões, ouvindo as pessoas e as lideranças políticas, para, dentre outras coisas, definirmos os detalhes do nosso programa de governo”, afirma João Paulo.

Para Armando Monteiro, “Pernambuco avançou, mas precisa ir além. Nós temos ainda muito o que fazer para que esse processo de desenvolvimento possa se perenizar, de modo a incluir uma grande parcela de pernambucanos que ainda estão à margem. É isso o que nós pretendemos discutir, sempre ouvindo a população, para oferecer ao Estado uma proposta alicerçada numa visão de futuro”.

Ffoto: Alexandre Albuquerque

.

Pocket show Lee movimenta final de semana no Quality Hotel

Untitled-1
CLAS
Uma oportunidade, e tanto, para revisitar a obra monumental da rainha do rock brasileiro, Rita Lee Jones. Será apresentado neste final de semana (sexta – 25 e sábado – 26), às 21h, no Quality Hotel, em Petrolina – PE, o Pocket Show Lee. Deixando os dados biográficos de lado e colocando em primeiro plano o processo criativo dessa artista, que muito influenciou os músicos brasileiros que vieram a usar a guitarra a partir de meados dos anos 70, o espetáculo, dirigido pelo produtor cultural Cássio Lucena promete experimentar um novo formato.
 
 ”O Brasil é o país das cantoras, a voz feminina é sublime, nos outros pockets, sempre trabalhei com várias intérpretes femininas, e nesse resolvi apostar na uniformidade, beleza e vigor do canto de Camila Yasmine, cercada de 4 vozes masculinas,” adianta Cássio  Lucena para em seguida  anunciar o nome dos quatro homens: “Albérico Jr, Rogério Pilé, Temir e Zuza,  acolheram muito bem a ideia de se embrenhar nesse universo incoerente, doce, anárquico de Dona Rita Lee”.
 
Para acompanhar a pegada pop roqueira da cantora, que mais vendeu álbuns na história da MPB – com mais de 65 milhões de cópias, Cássio Lucena reuniu os músicosRicardo Nunes (violão e baixo), Renan Mendes (acordeon, gaita, flauta e escaleta), Silvino Jr ( bateria e percussão). e Edesio César (guitarra e violão).O cenário minimalista, assinado pela arquiteta  Sandra Guimarães, faz referência a frases de canções , estampas e gravuras da pop arte e do tropicalismo brasileiro. E para completar a obra de cores vivas, carnavalesca, espirituosa, irreverente, crítica e rebelde, os figurinos são assinados por Ninfa Tavares, cabelos  por Mario Lemo, make art de Alzyr Saadher e o tratamento de som sob a responsabilidade do expert Albérico Jr.
 
“A obra da Rita,desde Os Mutantes, Tutti Frutti e a sua carreira solo, é o meu grande material, a minha grande instigação, sem fazer nenhum tipo de julgamento moral das atitudes. Posso garantir que na sua musicalidade abriga-se toda a sua alma lindamente inquieta,” conclui o percussor do formato Pocket Show no Vale do São Francisco, que dirigiu, entre outros espetáculos, os inesquecíveis, Preciso Dizer que Te Amo, A Paixão de Chico e Aquela Sanfona Branca. As mesas para o  Pocket Show Lee estão à venda  no Quality Hotel.
.

EPTTC informa sobre mudanças na circulação dos transportes complementares

A Epttc, Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo, informa ao público que as mudanças efetuadas na circulação dos transportes complementares no centro da cidade foram tomadas para garantir a melhor circulação dos veículos e principalmente atender os direitos de preservar o acesso da comunidade aos principais centros de serviços como os hospitais, clínicas, orgãos públicos e comerciais. A Epttc ressalta
que a Avenida Guararapes tem trânsito livre para as Vans e que todas as associações já foram notificadas para adotar a rota alternativa para o melhor atendimento da população. Em caso de não cumprimento da rota os permissionários serão devidamente notificados.

 

.

“Diminuir a maioridade penal não resolve”, diz Campos

Campos

Por Carol Brito
Da Folha de Pernambuco

Após declarar ser contra o aborto, em visita ao Santuário Nacional de Aparecida, no interior de São Paulo, o presidenciável Eduardo Campos (PSB) voltou a dar opinião sobre temas polêmicos, desta vez, contrária à redução da maioridade penal. O socialista afirmou que a mudança na legislação não traria resultados eficientes na redução da criminalidade. A afirmação do ex-governador contra o aborto gerou forte repercussão na internet.

“As pessoas imaginam que se diminuir a maioridade penal vão resolver o problema da criminalidade. E não vai. Isso na verdade é um mito”, opinou, em entrevista à Rádio Jornal, ontem. Eduardo Campos avaliou que outros fatores estão mais relacionados à criminalidade do País, como a falta de oportunidades no mercado de trabalho e a qualidade da educação pública. Para o socialista, o investimento nessas áreas é muito mais complexo do que simplesmente alterar a legislação.

“Se você não cuidar de gerar trabalho, renda e educação de qualidade, você vai reduzir para 16, depois para 14, depois para 12 e não vai resolver o problema. Porque as crianças não entram na criminalidade porque já nascem com essa tendência ou com essa índole, é a falta de oportunidade”, afirmou.

AGENDA
Em meio a uma maratona de agendas em Santa Catarina, Eduardo Campos afirmou que pretende cortar pelo menos metade dos 39 ministérios mantidos pelo governo da presidente Dilma Rousseff (PT). “(Vamos cortar) pelo menos metade dos ministérios. Estamos fazendo essa discussão. Eu tenho um debate que é muito intenso com nossa equipe sobre nova estrutura do Governo Federal e vamos ter respostas objetivas sobre esse ponto”, destacou.

Apesar de PSB e Rede encontrarem divergências na formação do palanque estadual em Santa Catarina, Campos garantiu que a sua coligação tem unidade e decidirá com sintonia os seus rumos no estado. O socialista ainda relatou que sua pré-campanha iniciará no mês de maio encontros regionais nas microrregiões dos principais estados do País. Os atos servem para coletar propostas para o programa de governo. Contudo, as reuniões não terão a presença do presidenciável. Um portal será criado para receber propostas dos internautas catarinenses.

.

Lula aciona PT: bombar Dilma e mobilizar militância

dilma_lula (1)

Diante da queda de popularidade da presidente Dilma Rousseff, a campanha petista já decidiu que caberá mesmo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva compensar o desgaste que cerca sua sucessora. Lula vai aproveitar o encontro nacional do PT, marcado para o dia 2 de maio, para fazer uma defesa enfática de Dilma e de sua candidatura à reeleição.

A presidente Dilma Rousseff, ao lado do ex-presidente Lula, segundo interlocutores, tem evitado alimentar as avaliações pessimistas sobre a gestão de Dilma e a repercussão dos casos Petrobras e André Vargas. Mas admite que o governo está bem longe de um céu de brigadeiro.

A avaliação do PT é de que Dilma já disse tudo o que podia dizer sobre os dois episódios e agora deve se distanciar ao máximo desse noticiário. Não é o caso de Lula. Os aliados do ex-presidente querem mais é deixar por conta dele as respostas à oposição por conta das
denúncias.

O encontro nacional do PT tem previsão estatutária e acontece todos os anos. Mas a ideia é aproveitar o evento deste ano para fazer mais uma espécie de lançamento da candidatura de Dilma – uma tentativa de estancar o clima de “volta, Lula” dentro da legenda. Desta vez, segundo líderes petistas, será feita a “homologação” da candidatura da presidente à reeleição.(Blog Poder Online – Clarissa Oliveira)