.

Prefeitura de Cabrobó envia nota à imprensa após trágico acidente

Cabrobó67591400

A Prefeitura Municipal de Cabrobó vem a público lamentar o trágico acidente, ocorrido na manhã desta  quarta-feira (30) quando um caminhão que fazia coleta de lixo, de uma empresa que presta serviços no município, atropelou duas crianças de 6 anos de idade. Uma delas,  faleceu no local do acidente e a segunda foi socorrida ao Hospital Universitário, em Petrolina.

Um médico da prefeitura e uma enfermeira da cidade acompanham a criança na ambulância até o Hospital Universitário, em Petrolina, onde a mesma foi transferida para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O prefeito de Cabrobó, Auricélio Torres,  autorizou toda a assistência necessária às famílias e manifesta condolências nesse momento extremamente triste.

O prefeito informa ainda que determinou uma apuração minuciosa sobre as responsabilidades no acidente e que a prefeitura tomará todas as medidas para punir excessos ou irresponsabilidades, caso, sejam constatados. A prefeitura entrará em luto oficial de três dias.

Prefeitura Municipal de Cabrobó

Governo anuncia pagamento do BDE

14312477903_4bb795d0da_z
O governador João Lyra Neto assina, nesta quinta-feira (31/07), às 10h, o decreto que libera o pagamento do Bônus de Desempenho Educacional (BDE). Serão beneficiados profissionais da educação e das Gerências Regionais de Educação (GREs) que cumpriram, integral ou parcialmente, as metas acordadas com a Secretaria de Educação e Esportes (SEE) para o Índice de Desenvolvimento da Educação de Pernambuco (Idepe).
 
Esta é a quinta edição do Bônus de Desempenho Educacional, que foi criado em 2008 pela Lei 13.486 com o intuito de premiar os profissionais das escolas que cumprissem parcial ou integralmente as metas para o Idepe. A partir de 2009, o BDE passou a incluir também as Gerências Regionais de Educação (GREs).
 
O cálculo do BDE corresponde ao percentual de atingimento de metas acordadas em Termo de Compromisso assinado por cada unidade de ensino e o secretário de Educação e Esportes do Estado.
SERVIÇO:
Anúncio do Bônus de Desempenho Educacional (BDE)
Data: Quinta-feira (31/07)
Horário: 10h
Local: Palácio do Campo das Princesas
.

Lucas Ramos participa de carreata em Serra Talhada com Paulo Câmara e Carlos Evandro

CarlosEvandroeLucasRamos

O candidato a deputado estadual Lucas Ramos (PSB) volta a Serra Talhada nesta sexta-feira (1). Ao lado do ex-prefeito Carlos Evandro (PSB), o jovem socialista participa de uma carreata que contará com a presença da majoritária da Frente Popular de Pernambuco. A convite de Carlos Evandro, Lucas Ramos esteve na cidade semana passada cumprindo agenda política.

“Vamos trabalhar muito para que Lucas Ramos seja eleito deputado estadual. Tenho certeza que ele vai ajudar a trazer mais investimentos para a cidade. O desenvolvimento da região é uma das suas metas”, afirmou Carlos Evandro. “Vamos lutar por mais recursos para infra-estrutura básica, como calçamento e saneamento. Carlos Evandro já fez muito enquanto esteve à frente da Prefeitura durante oito anos, mas a cidade está crescendo bastante e não podemos descuidar”, afirmou Lucas Ramos.

A carreata está marcada para começar às 17h. A concentração será na Academia das Cidades do bairro Ipsep. De lá, o cortejo segue pelas principais ruas de Serra Talhada. A ideia é que seja realizado um comício no bairro do Bom Jesus, maior colégio eleitoral da zona urbana de Serra Talhada.

.

Ibope Senado: João Paulo 37%, Fernando Bezerra 16%

joao-paulo-e-fbc-luiza

Do G-1

Pesquisa Ibope  aponta que o candidato a senador pelo PT de Pernambuco, João Paulo, aparece na frente com 37% das intenções de voto. Na sequência, o socialista Fernando Bezerra Coelho (PSB) aparece com 16%. Simone Fontana (PSTU) tem 3% e Albanise Pires (PSOL), 1%.

Foi citado, mas não alcançou o percentual mínimo, o candidato Oxis (PCB). Os indecisos somam 25% e os que declaram que vão votar branco ou nulo são 17%.

Veja os números do Ibope:

 João Paulo (PT) – 37% das intenções de voto
Fernando Bezerra Coelho (PSB) – 16%
Simone Fontana (PSTU) – 3%
Albanise Pires (PSOL) – 1%
Brancos e nulos – 17%
Não sabe ou não respondeu – 25%

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores em 57 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a  probabilidade do resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número 00012/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00269/2014.

.

Top 10 shows mais caros do Brasil

O cachê dos cantores e cantoras brasileiros impressiona em termos de valor, e nesta seleção estão classificados os 10 shows mais caros do Brasil segundo dados divulgados pelo redação do R7. A cantora Anitta, por exemplo, tem impressionado os contratantes pelo valor exorbitante do seu cachê.
Após ter passado por diminuição dos seios, lipoaspiração, e cirurgia no nariz, a funkeira passou a cobrar mais caro para apresentar-se. Mas não pára por aí, já que são cantores de muitos gêneros que chamam atenção pelo valor cobrado em apresentações, com mega estrutura e encenações.

10°

Anitta – R$ 120 mil a R$ 150 mil

unnamed (23)

Anitta já é considerada fenômeno pelo país, com suas interpretações carismáticas no gênero funk. Esta poderosa do funk, na realidade, costumava pagar para trabalhar. E com a mudança de escritório, investimento em silicone, correção do nariz, se transformou em revelação nacional no ano 2013.

Atualmente o seu cachê fica entre R$ 120 mil e R$ 150 mil, e essa quantidade se tornou polêmica, já que dificilmente um funkeiro faturava mais que R$ 5 mil pela apresentação.

Cristiano Araújo – R$ 200 mil

unnamed (24)

Cristiano Araújo é sucesso entre as garotas, e popular como o “cara dos efeitos”. Muitos ainda não conhecem esta estrela, porém a loucura que ele gera na platéia é explicativa em relação ao cachê, ao alvoroço das fãs e presença da canção em rádios. O seu cachê é de R$ 200 mil, deste cantor, instrumentista e compositor brasileiro da música sertaneja.

Fernando e Sorocaba – R$ 200 mil

unnamed (25)

O show da dupla, Fernando e Sorocaba, é intenso, com bola transparente, repertório selecionado, bonecos gigantes e super produção, fazendo valer o cachê de R$ 200 mil da dupla. Estes artistas, da música sertaneja brasileira, têm brilhado pelo país inteiro.

Luan Santana – R$ 200 mil a R$ 250 mil

unnamed (26)

Luan Santana, popular como Meteoro, é fenômeno da arrecadação de dinheiro, com cachê variando de R$ 200 mil a R$ 250 mil. O cantor de 23 anos da música sertaneja é muito valorizado também pelas garotas que são fãs incansáveis da estrela.

Claudia Leitte – R$ 250 mil

unnamed (27)

A poderosa loira do axé apresenta cachê mais caro para determinados shows, porém na média, fatura metade do que é cobrado por Ivete Sangalo. Claudia Leitte é cantora, empresária, compositora, com cachê para apresentar-se de R$ 250 mil, e iniciou sua carreira brilhante no ano 2001, sendo vocalista da banda Babado Novo.

Paula Fernandes – R$ 250 mil

unnamed (28)

Paula Fernandes é aclamada no Brasil como musa sertaneja. O seu show é teatral, de superprodução, com destaque também por ser uma das artistas que mais vendem discos no país. O cachê de R$ 250 mil impressiona de início, porém os fãs celebram cada momento da apresentação.

Gusttavo Lima – R$ 300 mil

unnamed (29)

O famoso tche tchererê tchetchê do Gusttavo Lima tem rendido muito para o artista sertanejo, este que possui cachê de exorbitantes R$ 300 mil. O destaque é para polêmica de Gusttavo, que indagou em parar de cantar, porém, ao que tudo indica inclusive o próprio cachê, o mesmo ainda trabalhará bastante.

Ivete Sangalo – R$ 500 mil

unnamed (30)

É isso mesmo, a musa do axé Ivete Sangalo, tão querida no Brasil e referência musical, cobra meio milhão para apresentar-se em show, porém não é muito difícil alcançar os 7 dígitos, para surpresa de muitos. Ivete costuma realizar 2, 3 shows na semana, sem contar os corporativos, estes mais caros; e chega a cobrar mais que Roberto Carlos, e estipula R$ 1,2 milhão para cantar.

Jorge & Mateus – R$ 500 mil

unnamed (31)

Jorge & Mateus é a dupla de cachê mais caro do sertanejo brasileiro, costumando lotar shows, com garantia da bilheteria e casa lotada. O cachê de R$ 500 mil também evidencia o sucesso do gênero sertanejo no Brasil, com surgimento de muitos artistas, como de Jorge & Mateus.

Roberto Carlos – R$ 1 milhão

unnamed (32)

 

Roberto Carlos é reverenciado como o Rei no país, e é líder na seleção dos 10 shows mais caros do Brasil, com cachê incrível de R$ 1 milhão. Ao apresentar-se, Roberto Carlos sempre enche as casas de shows, mesmo com repertório pouco modificado, porém com disciplina musical e canções que marcaram épocas atraindo públicos apaixonados, de 18 a 80 anos.

Fonte:Top 10 Mais!

 

.

Julio Lossio reassume prefeitura sob forte emoção

03

O prefeito Julio Lossio retorna um mês antes do previsto, contrariando todas as expectativas,  após rápida recuperação.  Segundo o mesmo, na manhã desta quarta feira (30) solicitou do seu médico alta, pois tinha total consciência que sua recuperação seria bem mais rápida perto do povo que elegeu como seu. “Conversei com a equipe médica e expliquei que junto do meu povo,  na minha casa, e na minha cidade ficaria melhor e tive alta. E estou aqui para reassumir o cargo para poder continuar trabalhando na nossa Petrolina”.

06

Antes de ser reempossado, amigos,  eleitores, aliados, e companheiros de lutas e vitórias prestaram uma bela e justa homenagem ao prefeito cantando a música ‘Conquistando o impossível’.

A posse aconteceu logo após a oração feita pelo  pastor Cícero,  que em sábias palavras disse que tudo tem seu tempo, “houve o tempo da doença,  do tratamento, da cura, e da volta com a graça de Deus”.

Sem perder seu humor peculiar,  Julio Lossio foi reempossado e deixou bem claro que voltou para dar continuidade ao seu trabalho, o de cuidar das pessoas.  “Se me perguntarem se estou bom,  vou dizer que estou melhor,  se estou forte, posso dizer que estou fortalecido”, e para não perder o costume disse também que “agora posso afirmar que sou um homem de cabeça aberta”, fazendo referência a cirurgia de 11h,  realizada no mês passado.

07

 O prefeito declarou também que espera viver muito para ver as crianças do Nova Semente virarem profissionais, como o médico que lhe atendeu na capital Paulista. “Agora é trabalhar”, expôs convidando os secretários Julio Lossio Filho e Newton Matsumoto a retomarem seus respectivos cargos. Oportunidade que parabenizou seus secretários pela atitude solidária “Uma equipe tem que trabalhar junta”, concluiu.

 Foto: Gilson Pereira

.

Greve de rodoviários acaba sem ser considerada abusiva, seguindo entendimento do MPT

Acabou a greve dos rodoviários de Pernambuco. A partir da meia noite desta quinta (31), a categoria deve voltar às atividades. A decisão pelo fim do movimento veio com o julgamento dos dissídios coletivos na tarde desta quarta-feira (30). Com o mesmo entendimento do Ministério Público do Trabalho em Pernambuco (MPT-PE), do procurador-chefe do órgão, José Laízio Pinto Júnior, o Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região não considerou a greve abusiva e os dias parados não serão descontados.

“A greve seguiu seu curso normal, regular, tendo sido validamente deflagrada, comunicada tempestivamente aos patrões e à comunidade em geral. Nem mesmo o fato do Grande Recife Consórcio de Transporte demonstrar em seus relatórios que houve uma redução percentual da frota em circulação, em aparente descumprimento da liminar, pode ser atribuído ao movimento grevista”, disse José Laízio Pinto Júnior. Na avaliação do MPT, inclusive, um percentual na ordem de 100% de circulação da frota em horários de pico equivale a uma não-greve, ou seja, obstaculiza o exercício de um direito constitucional de uma categoria profissional.

Além da legalidade da greve, o TRT6 concedeu aumento de 10% tanto de piso salarial como de reajuste salarial, e de 75% na concessão de alimentação, que passará de R$ 171,00 para R$ 300,00. As demais cláusulas econômicas – diárias para motoristas em viagens especiais, auxílio-funeral e indenização por morte ou invalidez – foram reajustadas com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), do último ano, ou seja, em 6,06%.

O MPT, no parecer, opinou pelo deferimento de um reajuste da ordem de 6,5% sobre todas as cláusulas econômicas pendentes (pisos salariais, reajuste salarial, diárias para motoristas em viagens especiais, auxílio-funeral e indenização por morte ou invalidez), à exceção da cláusula da concessão de alimentação, cujo reajuste sinalizado foi de 10%.

.

Ibope: Armando lidera com 43% e Câmara tem 11%

DSCN8214

Do G-1

Pesquisa Ibope divulgada, há pouco, na TV-GLobo, mostra Armando Monteiro (PTB) com 43% das intenções de voto para governador de Pernambuco. Em seguida, aparecem Paulo Câmara (PSB) com 11%, Zé Gomes (PSOL) com 2%, e Jair Pedro (PSTU), Miguel Anacleto (PCB) e Pantaleão (PCO), os três empatados com 1%.

Confira abaixo os números do Ibope, segundo a pesquisa estimulada, em que os nomes de todos os candidatos são apresentados ao eleitor:

Armando Monteiro (PTB): 43%
Paulo Câmara (PSB): 11%
Zé Gomes (PSOL): 2%
Jair Pedro (PSTU): 1%
Miguel Anacleto (PCB): 1%
Pantaleão (PCO): 1%
Brancos e nulos: 19%
Indecisos: 22%

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores em 57 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a  probabilidade do resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número 00012/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00269/2014.

Rejeição

A pesquisa também mediu a taxa de rejeição de cada um dos candidatos, isto é, aquele em quem o eleitor diz que não votará de jeito nenhum. Veja os números:

Pantaleão: 26%
Zé Gomes: 24%
Jair Pedro: 21%
Paulo Câmara: 20%
Miguel Anacleto: 19%
Armando Monteiro: 14%
Não rejeitariam nenhum dos candidatos: 15%
Não souberam ou não responderam: 35%