Destaques

Gabriel Pires conquista Medalha de Prata na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

O Blog Josélia Maria parabeniza o estudante Gabriel Pires,16 anos, pela conquista da Medalha de P ...

Entenda o que muda com a nova base curricular; ensino religioso será obrigatório

EscolaFoto: Arquivo/Agência Brasil Agência Brasil A Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovad ...

De calcinha e de topless, Paolla Oliveira diz que natureza é movimento

Atriz Paolla OliveiraFoto: Reprodução/Instagram Folhapress Eleita a mulher mais sexy do ano pela r ...

Gabriel Pires conquista Medalha de Prata na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Blog Josélia Maria parabeniza o estudante Gabriel Pires,16 anos, pela conquista da Medalha de Prata na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, realizada no Rio de Janeiro.

Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) é um evento nacional realizado nas escolas brasileiras previamente cadastradas desde 1998 pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB). A partir de 2005 a Agência Espacial Brasileira (AEB) passou também a participar da organização, a olimpíada se tornou Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. E atualmente a Furnas também delega a comissão organizadora. A OBA é um evento aberto à participação de escolas públicas ou privadas, urbanas ou rurais, para alunos do primeiro ano do ensino fundamental até aos do último ano do ensino médio.

Gabriel você representa Belém do São Francisco!

Parabéns  campeão!




Governo Pernambuco

Entenda o que muda com a nova base curricular; ensino religioso será obrigatório

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Escola

EscolaFoto: Arquivo/Agência Brasil
Agência Brasil

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada nesta sexta-feira (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), é um documento de caráter normativo, que define o conjunto de aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da educação infantil e do ensino fundamental, de modo a que tenham assegurados seus direitos de aprendizagem e desenvolvimento, como determina o Plano Nacional de Educação (PNE).

A base nacional estabelece conhecimentos, competências e habilidades que se espera que todos os estudantes desenvolvam ao longo da escolaridade básica. Segundo o CNE, o objetivo da base é elevar a qualidade do ensino no país, indicando com clareza o que se espera que os estudantes aprendam na educação básica, além de promover equidade nos sistemas de ensino.

Confira o que muda com a aprovação do documento:
Religião

O texto aprovado pelo CNE incluiu novamente orientações sobre o ensino religioso nas escolas. O assunto estava nas versões anteriores da base, mas tinha sido excluído da terceira verão enviada pelo MEC em abril, e foi recolocado antes da votação.

Segundo o texto previsto na base nacional, o ensino religioso deve ser oferecido nas instituições públicas e privadas, mas como já ocorre e está previsto na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), a matrícula poderá ser optativa aos alunos do ensino fundamental. Entre as competências para esse ensino estão a convivência com a diversidade de identidades, crenças, pensamentos, convicções, modos de ser e viver.

O CNE ainda deverá decidir se o ensino religioso terá tratamento como área do conhecimento ou como componente curricular da área de Ciências Humanas, no Ensino Fundamental.

Alfabetização
Uma das mudanças trazidas pela BNCC é a antecipação da alfabetização das crianças até o 2º ano do ensino fundamental. Atualmente, as diretrizes curriculares determinam que o período da alfabetização deve ser organizado pelas escolas até o 3º ano do ensino fundamental.

“Nos dois primeiros anos do ensino fundamental, a ação pedagógica deve ter como foco a alfabetização, a fim de garantir amplas oportunidades para que os alunos se apropriem do sistema de escrita alfabética de modo articulado ao desenvolvimento de outras habilidades de leitura e de escrita e ao seu envolvimento em práticas diversificadas de letramentos”, diz o texto da base nacional.

Gênero
O CNE decidiu avaliar posteriormente a temática gênero, que foi objeto de muita polêmica durante as audiências públicas realizada para debater a BNCC. “O CNE deve, em resposta às demandas sociais, aprofundar os debates sobre esta temática, podendo emitir, posteriormente, orientações para o tratamento da questão, considerando as diretrizes curriculares nacionais vigentes”, diz a minuta de resolução divulgada pelo conselho.

Na versão encaminhada pelo MEC em abril, uma das competências gerais da BNCC era o exercício da empatia e o respeito aos indivíduos, “sem preconceitos de origem, etnia, gênero, idade, habilidade/necessidade, convicção religiosa ou de qualquer outra natureza”. Esse trecho foi modificado, e o texto aprovado hoje fala apenas “sem preconceitos de qualquer natureza”.




Governo Pernambuco

De calcinha e de topless, Paolla Oliveira diz que natureza é movimento

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Atriz Paolla Oliveira

Atriz Paolla OliveiraFoto: Reprodução/Instagram
Folhapress

Eleita a mulher mais sexy do ano pela revista “Vip” e melhor atriz no “Melhores do Ano – Domingão do Faustão”, a atriz Paolla Oliveira mostra que o tempo só faz bem a ela. Afastada da televisão desde o final de “A Força do Querer”, Paolla Oliveira aproveitou o dia ensolarado para curtir a natureza de forma um pouco mais livre: “É isso”.

A atriz publicou nesta sexta-feira (15) uma foto apenas de calcinha em sua conta no Instagram com uma frase de Blaise Pascal, físico, matemático, filósofo moralista e teólogo francês. “A nossa natureza consiste em movimento; o repouso completo é a morte”, escreveu Paolla Oliveira, citando o filósofo francês.

Coincidentemente, a publicação ocorre dias depois de a atriz se desentender com a ex-colega de elenco da novela de Glória Perez Juliana Paes. Após a premiação no “Domingão do Faustão”, Juliana Paes lamentou ter perdido o troféu de melhor atriz para Paolla, que respondeu: “Prêmio é legal sim, mas você tem toda razão, tudo é pouco diante do amor que temos uns pelos outros e da força que criamos juntos nesse trabalho tão especial”.

A mensagem de Paolla Oliveira foi apagada dos comentários de Juliana Paes, porém, ninguém sabe se foi Oliveira ou Paes quem o deletou.

Sexy
Natural de São Paulo e formada em fisioterapia, Paolla Oliveira é casada com o diretor de TV Rogério Gomes, o Papinha, que é 21 anos mais velho. Este ano não foi a primeira vez que a atriz foi eleita a mais sexy. Em 2013, quando conquistou o título inédito, Paolla era uma das mocinhas de “Amor à Vida”, trama de Walcyr Carrasco.

Dois anos depois, em 2015, uma cena da minissérie “Felizes Para Sempre?” deixou o lado mocinha da atriz de canto e alvoroçou internautas. De costas, vestindo apenas calcinha e calçando saltos altos, a atriz caminhava em direção a uma varanda, com cortinas esvoaçantes que deram um toque ainda mais sexy à cena.




Governo Pernambuco

O peso do legado dos Campos-Arraes

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Jovem é aposta da Frente Popular em defesa do legado familiar

Jovem é aposta da Frente Popular em defesa do legado familiar
Foto: PEU RICARDO/arquivo folha
FolhaPE

Herdeiro político e filho mais velho do ex-governador Eduardo Campos, o chefe de gabinete do governador Paulo Câmara (PSB), João Campos (PSB), 24 anos, ainda tem uma curta trajetória na política, mas conta com uma estrutura de candidato majoritário para concorrer ao seu primeiro cargo eletivo. Repetindo os passos das famílias Arraes e Campos, a postulação de João é trabalhada para ser a mais votada para a Câmara Federal em 2018. A expectativa é de que esteja próximo da marca dos 300 mil votos. Uma partida tão forte que, nos bastidores, começa a despertar “ciumeira” daqueles que ainda não aceitaram a concorrência e uma possível divisão das bases, principalmente na Frente Popular.

A candidatura de João chegou a ser cogitada em 2014, mas os socialistas e a mãe, Renata Campos, chegaram a um entendimento de que era preciso que ele concluísse o curso superior em engenharia. Sem o herdeiro natural da família, o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), e o ex-governador Eduardo Campos “deram a carga” na candidatura à Câmara Federal do atual secretário de Turismo, Felipe Carreras (PSB), que obteve 187 mil votos, tendo como principal base o Recife, onde desempenhou um papel de visibilidade. Havia um rumor de que Carreras até desistiria da eleição, para não competir com os votos de João, mas o secretário negou, alegando que a informação era “fogo amigo”.

Em 2010, a ministra do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes, foi campeã nas urnas, com 387 mil votos. Segundo o secretário-geral do PSB, Adilson Gomes, o filho de Eduardo Campos também deverá ser um fenômeno de votos, com representação eleitoral em todos os municípios do Estado. “A candidatura de João vai ser tipo majoritária, vai carregar o legado do pai e do avô (Miguel Arraes)”, pondera.

André Campos (PSB), que ocupou durante muito tempo a articulação do Palácio com a Assembleia Legislativa, sublinha a facilidade em se comunicar que João tem.
O deputado federal Danilo Cabral (PSB), que foi da cozinha de Eduardo, acredita que João chega perto dos 300 mil votos, já que em 2014 ninguém superou essa marca. Contudo, há muita cautela sobre a postulação de João Campos tanto no PSB, quanto no Palácio do Campo das Princesas. “O chefe de gabinete do governador, na hora em que ele começar a se mexer muito, vai criar muita ciumeira. Ele vai tá andando em município onde não tem ninguém fechado, a Frente Popular é ampla, tem que ter uma certa cautela”, avaliou Adilson Gomes.

Até agora, o chefe de gabinete de Paulo Câmara fecha com Simone Santana, Aluisio Lessa, Clodoaldo Magalhães, todos do PSB, e mais ligados à RMR e Zona da Mata. Todavia, na sexta, João visitou municípios do Sertão do Pajeú, como Tabira. “João não tem atitude de ser arrasa-quarteirão, de querer a todo custo os votos da avó e do pai. Agora, politicamente falando, é uma mercadoria fácil de vender, tem origem e tem linhagem, no melhor sentido da expressão”, analisa Tadeu Alencar.

Apesar dos apoios no Legislativo, o governador Paulo Câmara e o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), deverão ser os maiores cabos eleitorais de João Campos. A expectativa é que candidatos a deputado estadual deverão fechar chapas “dobradinhas” com ele em praticamente todos os municípios do Estado.




GOVERNO BAHIA

O tempo passa, o tempo voa; Lula continua numa boa…

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Rudolfo Lago – Blog Os Dvergentes

pesquisa divulgada nesta sexta-feira (15) pelo DataPoder360 repete o que já vêm dizendo Ibope e Datafolha. Lula segue imbatível. Vence as eleições em qualquer cenário. Derrota qualquer um no segundo turno. Parece estar cristalizando um percentual em torno de 30% no primeiro turno. No segundo turno, seja o candidato o mais radical Jair Bolsonaro ou o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, um conservador mais moderado, a vitória de Lula mantém-se em percentuais semelhantes.

Lula estabeleceu para a sua campanha uma estratégia de confronto. Faz a narrativa de que é vítima de uma ação orquestrada, na qual teria sido montada contra ele uma denúncia inconsistente, cujas provas são frágeis, revestida de uma celeridade que não se repete quando os denunciados são outros, de outros partidos (essa é a narrativa, não se está aqui corroborando com ela). Assim, Lula confronta os atores dessa ação orquestrada com sua candidatura. Diz ao Judiciário, ao Ministério Público, etc, parafraseando Zagallo: “Vocês vão ter que me engolir”.

Na lógica dessa estratégia de confronto, pode até ser Bolsonaro a escolha preferida mesmo por Lula para a disputa. Se é confronto, que seu adversário seja mesmo alguém que o eleitorado enxergue de fato como a sua contraface. Ainda que, na verdade, Lula não seja alguém de extrema-esquerda assim como Bolsonaro é de extrema-direita. Mas o que importa é o sentimento. Meio como estabelecer uma luta do bem contra o mal, como já se disse por aqui: O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro.

Talvez esteja por aí o fato de virem fracassando todas as tentativas de busca de um nome mais moderado no campo conservador para a disputa. A alternativa da vez é Alckmin, que aparece nas pesquisas no patamar de 8%. Quando Lula puxa a eleição para o confronto, aglutina seus opositores do outro lado, na sua contraface.

É possível que essa lógica permaneça mesmo se Lula não vier a disputar a eleição. O cientista político e jornalista André Singer já havia assinalado num momento do segundo mandato de Lula que ele havia se deslocado do petismo. Lula já era uma corrente política em si mesmo: o lulismo. Como anotou mais cedo por aqui Apolo da Silva, Lula, como corrente política de um homem só, pode ter potencial para carrear seus votos – ou parte deles – para outro candidato. Já fez isso quando elegeu Dilma Rousseff. Como lembra Apolo, Juan Domingos Perón, outra corrente política de um homem só, fez isso na Argentina. Proibido de disputar a eleição, elegeu Héctor Campora na década de 1970.

Mas, vale sempre lembrar aos desavisados: pesquisa não é eleição. Se fosse, era mais barato realizar uma para eleger o presidente. Muito menos é eleição uma pesquisa a quase um ano da eleição. Muita água ainda vai rolar debaixo da ponte. Mas, por enquanto, vai dando certo a estratégia de confronto adotada por Lula na sua candidatura.




GOVERNO BAHIA

Gonzaga Patriota cumpre agenda no Sertão Pernambucano

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

image-74990

Foto:Blog do Alvinho

Nesta sexta-feira (15/12) Gonzaga Patriota cumpriu agenda no Sertão Pernambucano. O deputado esteve na barragem de Itaparica, município de Petrolândia, reafirmando o apoio a mais de 1200 produtores da região. “Peço ao Governo Federal para que inicie urgentemente um canal de diálogo com os trabalhadores do sistema Itaparica. Os mesmos não aguentam mais a omissão e incompetência dos órgãos envolvidos nessa questão”, declarou.

Ainda na manhã desta sexta-feira, também em Petrolândia, Gonzaga Patriota prestigiou o ato público realizado pela Igreja Católica, intitulado I Fórum Social em Defesa das Águas do Rio São Francisco, qual teve como objetivo debater ações de defesa do Velho Chico e contra a privatização da CHESF.

No período da tarde Gonzaga passou pelos municípios de Cabrobó, Santa Maria da Boa Vista e Lagoa Grande. “Estivemos com os prefeitos acertando a entrega de tratores, fruto de emendas, de nossa autoria, à comunidades desses municípios”, concluiu.




jr telecom

Sindilojas envia nota de pesar pelo falecimento de Edgar Granja

Postado em 17 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

O SINDILOJAS PETROLINA vem através desta, manifestar sentimento de pesar pelo falecimento de Edgar Granja, engenheiro agrônomo, ex- superintendente da Codevasf em Petrolina, ex-secretário municipal na segunda gestão de Guilherme Coelho e irmão do ex-vereador Chico Granja. Durante toda a sua vida pública, encabeçou com protagonismo, diversas ações que possibilitaram o fomento da economia regional.

O SINDILOJAS, em nome do comércio de Petrolina, lamenta tão grande perda, ao tempo em que pede ao Criador que conforte seus familiares e amigos.

Joaquim de Castro

Presidente do Sindilojas Petrolina




jr telecom

Campanha Natal Sem Fome Criança Feliz, da Associação de Mães e Amigos, leva ação social para o bairro Itaberaba em Juazeiro

Postado em 16 de dezembro de 2017 por Josélia Maria

Para promover mais cidadania aos moradores do Bairro Itaberaba, área periférica de Juazeiro, no norte da Bahia, a AMABI (Associação de Mães e Amigos do Bairro Itaberaba), realiza a quarta edição da Campanha “Natal Sem Fome e Criança Feliz”, a iniciativa propõe desenvolver uma ação social para as crianças carentes do referido bairro.

De acordo com a presidente da AMABI, Rita Diniz, a ação deste ano, conta com apoio de voluntários, comunidade em geral, bem como da CEAPA (Central de Apoio as Penas e Medidas Alternativas), entidade que integra o Juizado Especial Crime, comarca Juazeiro, entre outras pessoas.

Além da Campanha que visa realizar o sonho das crianças carentes, a Associação de Mães e Amigos, desenvolve vários projetos sociais, entre eles o da área esportiva, com atividades prestadas por meio da Escolinha de Futebol, “Criando Atletas Para Um Futuro Melhor”.

– Queremos agradecer a todos os anjos da guarda que estão empenhados e contribuindo de forma direta ou indiretamente na realização de mais uma ação social da AMABI, com doação de alimentos e brinquedos, que serão distribuídos gratuitamente para as crianças carentes do Bairro Itaberaba, no próximo dia 22 de dezembro. Esta, é a forma que encontramos para abrilhantar o Natal dos menos favorecidos, enumerou a presidente da Associação de Mães e Amigos do Bairro Itaberaba, Rita Diniz.

A AMABI está localizada à Rua Duque de Caxias, 11, Bairro Itaberaba, Juazeiro, os interessados em contribuir com brinquedos e alimentos, podem deixa-los na entidade até o dia 21 de dezembro. A entrega dos donativos arrecadados será no dia 22 de dezembro em frente à Associação, outras informações pelo telefone: (74) 9 8818.3186.




Governo Pernambuco