Raquel Dodge apresenta denúncia contra ministro do TSE por agressão contra mulher

Raquel Dodge apresenta denúncia contra ministro do TSE por agressão contra mulher

Raquel Dodge apresenta denúncia contra ministro do TSE por agressão contra mulher

Foto: Roberto Jayme / TSE

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou o ministro Admar Gonzaga, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pelo crime de lesão corporal contra a sua mulher. Segundo informações do jornal O Globo, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, protocolou a denúncia nesta terça-feira (14). A mulher do ministro, Élida Souza Matos, fez a acusação em junho deste ano (veja mais). No boletim de ocorrência, ela relata ter sido chamada de “prostituta” e “vagabunda” e que Admar jogou enxaguante bucal sobre seu corpo. O documento aponta ainda que o olho direito dela apresentava inchaço e roxidão. O caso tramita no Supremo Tribunal Federal (STF), já que Gonzaga possui foro privilegiado por ser ministro do TSE. A relatoria é de Celso de Melllo, ministro do STF. Na época da acusação, Admar disse que o episódio aconteceu durante uma crise de ciúmes da mulher, depois que ela consumiu álcool. Segundo ele, Élida ficou com o olho roxo após escorregar em Listerine derramado e bater contra a banheira. O ministro do TSE admitiu ter empurrado a mulher, mas alegou que isso aconteceu por defesa própria.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar