Cantora CRISTINA AMARAL lança novo DVD nesta terça (05/6) em Caruaru

Cantora CRISTINA AMARAL lança novo DVD nesta terça (05/6) em Caruaru

A hora da estrela 
Cristin​a ​Amaral lança ​seu novo CD e DVD, “Minha Voz Minha Vida Ao Vivo”​ nesta terça, 5/6, no Caruaru Shopping​ , experimentando novas parcerias e aproveitando um de seus melhores momentos artísticos – ​venceu as principais categorias do Prêmio da Música de Pernambuco e ​foi coroada Dama Do Cais do Sertão, pela contribuição à cultura nordestina, em especial o forró sua g​​rande paixão​; no dia 24/6 – noite de São João, a artista sobe ao palco  ​principal do São João de Caruaru ​para um show ​cheio de surpresas ​na cidade – “tinha que ser um show ​especial e ​único para a capital do forró. Me aguardem”, destaca a artista​.

Cristina Amaral não poderia estar em melhor fase: ao longo da carreira soube não apenas conquistar seu espaço no mercado como ainda consegue se transformar, firmando novas parcerias e enaltecendo, sempre, o forró, sua grande paixão e inspiração. “Amo cantar forró, é o nosso ritmo que nos representa enquanto nordestinos. Mas também sou apaixonada pelos ritmos locais, como nosso frevo, que é uma expressão máxima de alegria e libertação”, destaca. Forró e frevo, aliás, dão o tom do novo trabalho da artista que ​será lançado em Caruaru na próxima terça, 5/6, às 18h no Caruaru Shopping, com sessão de autógrafos e pocket show: “Minha Voz Minha Vida Ao Vivo”, ​foi ​gravado no Parque Dona Lindu​, zona sul do Recife,​ e co​nta co​m participações variadas, como Genival Lacerda e Priscila Senna, est​ando disponível nos formatos CD e DVD.

No show Cristina passeia por sua carreira e também pelos artistas que a influenciam, usando canções que vão de Alceu Valença, artista que a cantora ​homenageou​ em um de seus primeiros álbuns​ (Cristina Amaral canta Alceu Valença, 1997), a clássicos como “Severina Xique Xique” e “Mon Amour, Meu Bem, Ma Famme”. Grandes parceiros como Petrúcio Amorim e Nando Cordel também estão presentes, mas ​nas ​composições musicais. Genival Lacerda, outra referência, também é convidado e sobe ao palco​ para um dueto divertido​.
Antenada, a artista ainda canta com quem está em destaque na cena musical​:​ além da composição d​a artista paraens​e Lia Sophia​ (o carimbó “Ai Menina”), ​que já se tornou clássico nos ouvidos pernambucanos no ritmo de forró, ela ainda canta com o trio ​de brega romântico ​Priscila Senna, Elvis Pires e Carla Alves um tributo a Reginaldo Rossi – “É ótimo poder cantar com os meninos do brega algo diferente do habitual deles, bem como com Lia Sophia que traz um ritmo novo para mim, o carimbó, enquanto eu ofereço a ela o forró. É uma boa troca para todos. E assim vamos somando mais qualidade artística ao trabalho”, defende.  
​​
NOVOS RITMOS – além do contato com carimbó e o brega, a artista pretende, ainda em 2018, experimentar intervenções de hip hop e música eletrônica no forró. “Este é um projeto fruto de relação com o ​museu ​Cais do Sertão, que promoveu um evento em fevereiro com esta temática e o resultado ficou incrível. Ainda não posso falar muito mas posso dizer apenas que será incrível​ e essa experiência será no palco de Caruaru”​, destaca. A cantora ainda quer voltar a cantar Núbia Lafayette, reeditando o projeto de sucesso apresentado ​em Recife, durante o​ festival de artes “Janeiro de Grandes Espetáculos​”​ de 2017: “Fui criada ouvindo rádio e estas grandes vozes de antigamente. Especialmente Núbia Lafayette, que influenciou tanta gente boa como Alcione e Elymar Santos. Este é um projeto que merece sempre voltar”, defende. 

SÃO JOÃO – preparando-se para a maratona de São João, a artista celebra os frutos de sua coerência artística: além de três indicações ao Prêmio da Música de Pernambuco (​ganhou como ​Cantora de forró ​ e melhor DVD), ela ​foi coroada Dama do Cais do Sertão, um título que vem para consolidar a cantora como uma das expoentes não apenas nos ritmos nordestinos mas da cultura nordestina em geral –“fiquei muito honrada. É uma responsabilidade que quero carregar com todo empenho”, afirma. Empenho, aliás, é o que não falta nos próximos projetos da artista: ela deseja criar um grupo de artistas que pretende dialogar com governos municipais e estaduais a respeito de mais investimento em artistas regionais. “A gente sabe o papel dos artistas de massa nas estratégias de ações feitas por órgãos públicos, mas é fundamental um equilíbrio, para que novas gerações nos conheçam; todos têm seu valor, precisamos delimitar bem isso”, destaca. 

Cheia de projetos, a cantora celebra o lançamento do novo trabalho ​na próxima terça, 5/6, a partir das 18h, quando recebe fãs e amigos ​ no Caruaru Shopping, para autografar os DVDs e cantar num pocket show. O novo trabalho tem roteiro do jornalista Cleodon Coelho, direção geral de Saulo Gouveia, e direção musical de Luciano Magno. 
​Serviço: L​ançamento do DVD “Minha Voz Minha Vida”, da cantora Cristina Amaral mais noite de autógrafos e pocket show
Dia – 05/6 às 18h
Valor do CD+DVD – R$ 35
Formas de pagamento – à vista ou cartão de crédito
Pocket show ​aberto ao público após autógrafos com banda ao vivo dentro do Caruaru Shopping
TURNÊ NO NORDESTE –
Para 2018 a artista pretende expandir seu trabalho à Bahia, cenário de forte apoio ao forró no interior do estado – e também à Paraíba, terra de referências como Elba Ramalho, de quem Cristina é amiga pessoal.
 
Prêmio da Música de Pernambuco – Cristina foi a líder de indicações este ano – concorreu ao prêmio de CD de Frevo, e ganhou nas categorias DVD e Cantora de Forró.
 
Cristina e José Patriota – a cantora se encontrou com o prefeito no congresso Pernambucano de Municípios e deseja apresentar um projeto à Amupe que garanta aos artistas locais mais participação em shows e festas patrocinadas por Municípios. 
 
Musa do Cais do Sertão  –  Recife tem um dos museus mais importantes da América Latina, o Cais do Sertão, que valoriza a cultura regional do sertão nordestino, e a cantora Cristina Amaral​ foi coroada A Dama do Cais do Sertão. O título se deve a sua contribuição à cultura e sua lealdade à musicalidade nordestina, seja no frevo ou no forró e seus derivados​ – ocorreu dia 28/4​

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar