Alana Moura o nome juazeirense para a Seleção Feminina de Judô

Postado em 11 de agosto de 2019 por Josélia Maria

A judoca Alana Moura é talvez o nome mais mencionado quando o assunto é o judô de Juazeiro. Aos 19 anos a juazeirense vem somando conquistas no tatame e atualmente é a melhor atleta da Bahia na sua categoria. Apesar do bom momento e vitórias no judô, ela vive uma dura realidade assim como seus colegas do Judô Juazeiro: a falta de patrocínio.Mesmo com os obstáculos, Alana disputou a Super Etapa do Circuito Baiano, dessa vez em casa. “A Super Etapa, é muito importante para poder estar pontuando e melhorando no ranking. Lutar em casa foi um sonho, o OURO foi maravilhoso”, ressaltou a judoca.No ranking nacional, Alana está hoje a cinco posições de entrar na seleção brasileira de base. Para alcançar a colocação necessária ela precisa disputar as competições nacionais e regionais, mas isso significa gastos com passagens, hospedagem e alimentação, algo que nem sempre ela e seus companheiros de clube conseguem. “Preciso me manter bem no ranking, por isso é importante o apoio [financeiro]. Deixo meu contato: (74) 98852-1857 e também podem me encontrar no meu Instagram e no do Clube”. Apesar de ter lutado em casa nesse final de semana, Alana já visa outro torneio. “Fui convocada para fazer parte da Seleção Baiana de Judô, na categoria meio médio até 63 kg. Fui classificada como a melhor atleta do estado e fui chamada, para poder defender a Bahia no Campeonato Brasileiro que acontece em setembro”, finalizou.Alana foi uma dos muitos atletas de Juazeiro que lutaram em casa pela primeira vez no sábado(10).A Super Etapa aconteceu no Juá Garden e foi realizada pela FEBAJU , Governo da Bahia, Prefeitura Municipal e contou com a participação de 600 atletas.Texto Maria Akemi atualizado por Josélia MariaFotos: Josélia Maria




[LoginRadius_Share]