Paulo Câmara inaugura reforma do porto em Fernando de Noronha

Postado em 23 de janeiro de 2020 por Josélia Maria

image-103522
Melhorias vão promover aumento da capacidade de atracação do transporte de passageiros e de cargas. 
Governador também levou ações ao hospital da ilha
 
O governador Paulo Câmara entregou, nesta quinta-feira (23.01), a reforma das estruturas do Porto de Santo Antônio, em Fernando de Noronha. Com um investimento em torno de R$ 6 milhões, a obra contemplou serviços de recuperação, requalificação e reforço do cais de atracação/comercial, terminal de passageiros e elementos de apoio (flutuante, rampa e passarela de acesso).
image-103523
 
Paulo Câmara destacou a importância das melhorias estruturais, inclusive pela quantidade de turistas que Noronha recebe. “É uma ilha em favor do desenvolvimento sustentável, das boas práticas. Estamos buscando fazer melhorias e dotá-la de uma infraestrutura mais adequada. O Porto é um símbolo muito importante e, hoje, conseguimos entregar a reforma realizada com as técnicas mais modernas de engenharia, levando em consideração as peculiaridades do arquipélago, as mudanças climáticas e as condições ambientais”, afirmou o governador.
 
“Essa demanda atende a uma necessidade muito grande da Ilha, tanto na questão turística com esse terminal de passageiros novo, quanto no atendimento à própria economia da Ilha. Nós temos um novo terminal de cargas completamente seguro e com a tecnologia mais moderna possível de engenharia. Também melhoramos o flutuante, impondo uma nova tecnologia, sem contato com o mar e sem risco de ser danificado”, argumentou Guilherme Rocha, administrador da Ilha.
image-103524
 
O gestor do Porto de Santo Antônio, Fernando Cavalcante de Oliveira, também comentou a intervenção. “Para os moradores e para os turistas, foi uma obra de extrema importância. Toda essa estrutura a gente não tinha antes. Tudo novo, bem padronizado. Antes, atracava um barco, no máximo dois. Hoje, conseguimos operar com três a quatro embarcações de porte pequeno. Diminuiu o tempo de embarque e a capacidade de embarque aumentou”, explicou o gestor. Segundo ele, cada embarcação leva de 60 a 80 pessoas.
 
Os profissionais que dependem do Porto para trabalhar aprovaram as melhorias, como Yan Costa, que faz passeios com canoa. “Esse fato aqui do melhoramento do Porto melhorou a questão da infraestrutura do local e as operações, já que o fluxo de pessoas que vêm para Noronha e que fazem passeios é muito grande. Uns 80% praticam atividades aquáticas, e com o Porto hoje estando ajustado para isso, a gente vai conseguir dar um conforto melhor para o pessoal que vem”, comentou Yan. De acordo com ele, o passeio de canoa é realizado pela manhã, em duas operações, com 20 a 30 pessoas por vez.
 
MELHORIAS NA SAÚDE PÚBLICA – O governador também levou ações ao Hospital São Lucas, responsável pela assistência à população de Fernando de Noronha e aos turistas que passam pela Ilha diariamente. Entre elas, entregou um aparelho de ultrassom de desempenho avançado à unidade. O equipamento, no valor de R$ 127 mil, foi  adquirido por meio de emenda federal, e permite a realização de ecocardiograma (exame que avalia o funcionamento do coração) e vai auxiliar no diagnóstico de quadros clínicos nas especialidades de cardiologia, ginecologia, vascular e obstetrícia.
 
O secretário de Saúde, André Longo, explicou que a chegada do aparelho à Ilha vai gerar economia para o Estado e mais precisão no diagnóstico de doenças.  “Fernando de Noronha tem uma atenção especial por parte do Governo do Estado pela questão geográfica. É estratégico dotar o Hospital São Lucas com aparelhos que possam dar diagnósticos, evitando o deslocamento desnecessário através de UTI ou salvamento aéreo. Além disso, vai propiciar à população da Ilha uma série de exames que ajudarão no diagnóstico e na prevenção de patologias”, observou.
 
Além dos atendimentos de emergência, o Hospital São Lucas também é destaque em atendimentos ambulatoriais, ofertando serviços em diversas especialidades, como pediatria, ginecologia, fisioterapia, fonoaudiologia, odontologia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional. São atendidos, por mês, cerca de 1.260 pacientes nos ambulatórios e a unidade realiza, mensalmente, cerca de 2.100 exames.
 
Acompanharam a visita do governador a Fernando de Noronha os deputados Diogo Moraes (estadual) e Fernando Monteiro (federal).
 
Fotos: Hélia Scheppa/SEI



[LoginRadius_Share]