Destaques

Raul Henry vai ao interior de Pernambuco para agradecer votação conquistada

Deputado federal eleito iniciou viagem pelo Sertão, na última sexta-feira (7), onde visitou seis c ...

MEI recebe isenção de taxas

Devido à uma solicitação nacional de diversas entidades, incluindo o Fórum Estadual da Micro e P ...

PMBA PARTICIPA DA CAMPANHA NATAL SEM FOME

O Comando de Policiamento da Região Norte (CPRN) aderiu a Campanha Natal sem Fome promovida pela Or ...

Outubro Rosa - Instituto Ivete Sangalo Hospedagem WordPress Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress Hospedagem WordPress
RADIO WEB JUAZEIRO
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Lista de Links

‘O Brasil é brega, já nasceu assim’ diz Luiz Caldas

Postado em 12 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

image-4408

‘O BRASIL É BREGA, ELE JÁ NASCEU ASSIM’

Luiz Caldas, o “rei do axé”, rejeita rótulos. O cantor e compositor faz 50 anos no dia 19 (“no Wikipedia a data tá errada, tem que consertar”). Ele será tema de biografia e filme em 2013. Neste ano, promete também lançar um álbum por mês. Adepto da ioga e sem beber nem fumar há dez anos, busca “longevidade”. “Quero ser um senhor como Mick Jagger.”*

Folha – E os planos para 2013?
Luiz Caldas – Vou aniversariar e eu que dou presente: liberarei [na internet] 12 discos, 150 músicas inéditas. Algumas com Gero Camilo, Chico César, Lenine, André Abujamra. Tem um filme de Abujamra e Ninho Moraes sobre mim. E uma biografia por César Rasec, o mesmo de [livro sobre] Jorge Mautner.

Acha que a música baiana, hoje, é das mulheres?
O que é interessante, pra mim, é que criei uma coisa, como o rock. E Ivete chegou a ser uma das maiores vendedoras do planeta cantando axé. Fico muito orgulhoso. Fonte:Folha




jr telecom

“Pra Você Guardei o Amor” – música de sábado

Postado em 12 de janeiro de 2013 por Josélia Maria




jr telecom

Depois do Dom Malan …Traumas

Postado em 12 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

image-4401

O chefe do executivo de Petrolina depois de ter devolvido o Hospital Dom Malan ao governo do estado, agora entrega o Hospital de Traumas a UNIVASF ..

O prefeito encontrou  mais uma forma de tirar um peso das costas ,diminuindo despesas , custeio com pessoal… além de ficar livre das inúmeras  denúncias e queixas da população nos veículos de comunicação.




jr telecom

Visita técnica estuda fomento da cultura do dendezeiro em Pernambuco

Postado em 12 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

image-4397

Na manhã de ontem (11/01), o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Júlio Zoé de Brito, acompanhado por técnicos da instituição, reuniu-se com os representantes da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Rômulo Menezes, e do Instituto Tecnológico de Pernambuco (ITEP), Frederico Montenegro, Geraldo Eugênio e Ana Rita Drummond, na Estação Experimental do IPA, em Itapirema, município de Goiana, para apresentar as pesquisas e potencialidades da cultura do dendezeiro e definir ações estratégicas de fomento à produção da cadeia produtiva. As pesquisas são resultado do projeto “Introdução do Cultivo do Dendê Como Alternativa para Produção de Biodiesel no Estado de Pernambuco”, que teve início em 2009, sendo instalados em Itapirema, sete materiais genéticos de dendê, dos mais promissores.

Melhoramento genético – De acordo com o presidente do IPA, esses materiais vieram para Pernambuco, por meio da Embrapa Amazônia Ocidental e com a aprovação do projeto, em 2010, foram implantados os primeiros experimentos nas Estações de Vitória de Santo Antão, Itambé e na Escola Técnica Estadual (ETE), de Palmares. “É preciso estudar, avaliar e introduzir atividades que sejam sustentáveis e de densidade econômica, principalmente, para os pequenos produtores. Por isso, nós estamos avaliando os materiais de dendê promissores quanto à produtividade, precocidade e resistência à doença conhecida como amarelecimento fatal”, acrescentou Júlio Zoé.

A comercialização do dendê, normalmente, só passa a ser economicamente rentável a partir do sétimo ano. No entanto, esses novos materiais mais precoces, originários da Amazônia, permitem que a colheita seja realizada a partir do quarto ano. A comercialização do dendê pode gerar uma renda líquida mensal superior a R$ 1.500,00 por cada 10 hectares cultivados, permitindo, também, uma receita adicional com o consórcio de culturas de subsistência.

Durante a reunião foram discutidos e encaminhados o que cada entidade representada deve viabilizar a fim de implantar ações de aproveitamento integral e de estímulo à produção e comercialização do fruto, considerado a palmeira oleaginosa mais propícia à exploração econômica em regiões quentes e úmidas.

Segundo o coordenador do projeto e técnico do IPA, Sérvulo Siqueira, na Estação de Itapirema, as primeiras mudas, que foram plantadas em 2009, já apresentam inflorescência e frutificação, que são requisitos básicos para uma boa colheita, informou Sérvulo. “Confesso que estou surpreso em ver essas plantas em boas condições, mesmo com o longo período de seca que o Estado vem enfrentando”, disse o presidente do ITEP, Frederico Montenegro.




jr telecom

Crise quebra os municípios

Postado em 11 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

Por Terezinha Nunes       
Deputada estadual e jornalista

Criada no ano 2000, a Lei de Responsabilidade Fiscal é cristalina: estabelece que o gestor público que, na conclusão do seu mandato, tiver gasto mais do que arrecadou, responderá judicialmente pelo erro.

Analisando as notícias que pipocaram em grande parte do interior do país nestes primeiros dias de 2013, sobretudo no Norte e Nordeste, com prefeituras abandonadas, lixo nas ruas e funcionários reclamando o não recebimento do salário de dezembro e do 13º, há de se prever para o futuro próximo que centenas ou até milhares de prefeitos cujos mandatos se encerraram em 31 de dezembro podem parar na cadeia ou ter suspensos seus direitos políticos por muitos anos.

No primeiro momento, a culpa tem recaído sobre os prefeitos mas, em que pese a culpa de muitos que foram perdulários ou chegaram mesmo a desviar recursos públicos, a verdade é que a quebradeira generalizada demonstra que o buraco é mais embaixo, como ensina a sabedoria popular.

Os municípios, mesmo os que não quebraram, estão com os cofres vazios ou quase isso por conta das quedas constantes nos repasses do FPM – Fundo de Participação dos Municípios – durante todo o ano de 2012.

Com receio de provocar desemprego em massa no Sudeste, onde está o grosso da indústria automobilística do país, a presidente Dilma Rousseff prorrogou até o final de 2012 a redução do IPI – Imposto sobre Produtos Industrializados – sobre as vendas de automóveis e eletrodomésticos da chamada linha branca, o que acabou despencando a receita do FPM, única fonte de renda dos menores municípios brasileiros.

A crise econômica brasileira ficou, desta forma, concentrada nos municípios mais pobres e distantes, onde o poder de reivindicação é menor.

“Dilma fugiu de uma revolta de operários do ABC paulista e quem está pagando o pato é o Norte/Nordeste” – afirma, com todas as letras, o prefeito do município de São Lourenço da Mata, em Pernambuco, Ettore Labanca (PSB), da base governista.

Pelos seus cálculos, a queda de mais de 30% dos repasses do FPM, provocou desemprego em massa no interior das duas regiões mais pobres do país: “ os prefeitos não só demitiram como deixaram de pagar aos fornecedores, o que também gerou desemprego” – conclui.

Para ele, a presidente agiu de forma inversa do seu antecessor o ex-presidente Lula: “ Lula também provocou quedas nos repasses do FPM mas, no final do ano, compensava os municípios o que permitia uma recomposição das receitas. Dilma prometeu e não fez, de forma que os prefeitos acharam que os recursos viriam, eles não vieram e o resultado é o que está se vendo por aí”.

Na verdade desde o mês de janeiro de 2012 que os prefeitos começaram a chiar com a decisão do Governo Federal de desonerar o IPI sobre as vendas de automóveis e eletrodomésticos.

O presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziulkoski, chegou a prever uma quebradeira generalizada no início do segundo semestre, o que foi repetido em novembro passado pelo presidente da Assembléia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo(PDT) durante audiência com o governador Jacques Wagner(PT): “mesmo honestos, muitos prefeitos vão ter suas contas rejeitadas e vão entrar no rol dos fichas sujas” – vaticinou.

Esta semana, alertada por Wagner e pelo governador de Pernambuco, Eduardo Campos, a presidente anunciou em Salvador que vai convidar os prefeitos para um encontro: “ eu não vou – afirma, de antemão, o prefeito Ettore Labanca. Se fosse era para comandar uma estrondosa vaia”





Comitê de inovação propõe escola-piloto

Postado em 11 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

O Comitê Pela Inovação é parte integrante da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), que reúne o Sistema FIEPE, representado pelo presidente Jorge Côrte Real e pelo vice-presidente e coordenador do Inova PE, Oscar Rache, além de representantes de empresas como Fiat, Refinaria Abreu e Lima, Queiroz Galvão e Estaleiro Promar.

Na próxima reunião do grupo, dia 25 de janeiro, serão definidos os detalhes do projeto da escola-piloto. Segundo Oscar Rache, “esse modelo de ensino vem para colocar em prática o ideal de inovação na capacitação e educação no setor industrial”.

CIEPE oferece serviço para reciclagem de resíduos industriais

Empresas interessadas em negociar resíduos industriais podem se cadastrar no serviço CIEPE Sustentável, oferecido pelo Centro das Indústrias do Estado Pernambuco (CIEPE). Além de contribuir com a preservação do meio ambiente, a ferramenta permite reutilizar ou reciclar resíduos que podem ser vendidos como matéria-prima no mercado industrial. Mais informações pelo (81) 3412-8427 ou pelo ciepe@ciepe.org.br.





Projeto de Lei de doação do HUT à Univasf será assinado na próxima segunda-feira

Postado em 11 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

Projeto de Lei de doação patrimonial do Hospital de Urgências e Traumas (HUT) de Petrolina à Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) será assinado e encaminhado à Câmara Municipal de Vereadores nesta segunda-feira (14).  A solenidade acontecerá no gabinete da Prefeitura Municipal, às 9h30, e contará com a presença do prefeito Júlio Lóssio; do reitor da Univasf, Julianeli Tolentin; do presidente da Fundação de Saúde do Vale (Fundação SAVE), José Carlos de Moura, dentre outras autoridades.

Na cerimônia, o prefeito Julio Lossio também assinará o convênio de gestão do HUT entre o município e a Fundação SAVE, e o termo de cooperação técnica entre Univasf e Save, para a manutenção dos programas de residência e internato de alunos naquela unidade de saúde.

A elaboração e o encaminhamento do Projeto de Lei à Câmara de Vereadores foi solicitada através de ofício da Univasf, recebido pela chefia de gabinete da prefeitura no último mês de dezembro.




jr telecom

AFRÂNIO: HERANÇA MALDITA

Postado em 11 de janeiro de 2013 por Josélia Maria

image-4384
A Prefeita Lúcia Mariano, que assumiu a Chefia do Poder Executivo de Afrânio no dia 1º de janeiro, se alarmou com o quadro de vandalismo deixado na Prefeitura Municipal pela Gestão do ex-prefeito Carlinhos Cavalcanti. Vários computadores da Prefeitura foram “formatados”, o que ocasionou a perda do banco de dados da contabilidade, do setor de Recursos Humanos, do setor de compras, da comissão de licitações, e também da Secretaria responsável pelas ações sociais, inclusive as custeadas pelo Governo Federal.

O assunto já virou caso de Polícia, pois foi instaurado inquérito para apurar a prática de crime contra a administração previsto no art. 313-A do Código Penal e também o sumiço de notebooks do CRAS – Centro de Referência e Assistência Social, e já foram intimados a depor os servidores responsáveis pelos setores em que foi identificada a prática. A formatação dos computadores, segundo os integrantes da nova gestão, teria por finalidade ocultar a prática de irregularidades ainda mais graves, em diversos convênios assinados pelo Município.

A partir da análise de extratos bancários nas contas vinculadas a alguns convênios, foi possível verificar que foram desviados quase R$ 2 milhões, dos convênios para Reforma e Ampliação de Escola (R$ 190 mil), Execução de Melhorias Sanitárias Domiciliares/Banheiros (R$ 235 mil), obras da Escola Antônio C. Filho (R$ 80 mil), construção de Creche Padrão FNDE no Povoado de Extrema (R$ 159 mil), Praça do Povoado Barra da Melancia (R$ 155), PTA Escolas do Araça, Cainanã, Baixa da Taboca(R$ 535 mil), construção de passagem molhada no Povoado Umbuzeiro (R$ 229 mil), e programa de apoio à Produção de Leite (R$ 410 mil), firmados com o Governo Federal e com o Estado de Pernambuco.

A Prefeita encaminhou os casos para a Polícia Federal e para o Ministério Público para apuração dos desvios e responsabilização do ex-prefeito, pois na maioria das situações os desvios foram tão vultosos que não será possível continuar a execução dos Convênios. Ainda serão realizadas auditorias em outros convênios, para verificar o real tamanho do rombo nas contas do Município.

Além disso, a frota municipal foi sucateada ou sabotada. Uma parte dos veículos do Município foi vendida a preços irrisórios no final do ano passado, ao passo que os veículos que permaneceram na Prefeitura ou estão necessitando de conserto ou foram sabotados, com a colocação de areia nos tanques de combustível, para que enguiçassem assim que fossem colocados em funcionamento. Tal prática foi verificada em ambulâncias e também em motocicletas que servem a diversas Secretarias.