Destaques

Juazeiro:Descaso do poder Público Municipal

Sou morador da rua das Palmeiras, bairro centenário/Juazeiro. Há mais de 08(oito) anos venho tenta ...

Dupla sertaneja grava música do compositor Manuca Almeida

Acaba de ser lançado em todas as plataformas musicais  o  novo cd da dupla Jorge  e Mateus e nel ...

MARCELO ARAÚJO FALA SOBRE PRÉ-CANDIDATURA A DEPUTADO ÀS 08H -RÁDIO CIDADE AM 870

A Blogueira e Radialista recebe em seu programa na Rádio Cidade AM 870,Marcelo Araújo,  empresár ...

Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress Hospedagem WordPress
RADIO WEB JUAZEIRO
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Hospedagem WordPress
Lista de Links

Remanso: Falta respeito, falta vergonha; falta gestão

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

Marcos Palmeira, advogado e militante do PC do B de Remanso foi nesta quarta-feira (21/02) à Rádio Comunitária Zabelê e fez uma análise irrepreensível da atual gestão municipal, com dados e fatos que deixam o assalto cometido pelo gestor anterior, preso com a quadrilha que comandava, com cara de batedor barato de carteira.

Desde a criação de 400 cargos, todos com taxas de gratificação superiores a 100% até o pagamento de mais de um milhão de reais a duas empresas de construção sem que nenhuma obra exista, passando pelas dívidas milionárias com fornecedores, prestadores de serviço, funcionários e contratados, nada ficou fora do olhar atento de Marcos Palmeira.

Mostrou que o orçamento de 2017, elaborado e aprovado em 2016, estimava uma receita de 82 milhões de reais e ao final a receita foi 5 milhões a mais: “Ele já sabia qual era a sua receita e recebeu a mais. Ele deve uns 10 milhões ao comércio de Remanso e aos servidores públicos. Porque isso aconteceu? Isso é falta de planejamento! Isso é incompetência! Falta de respeito à população de nossa cidade! ”

Zé Filho, em 2017, encerrou as aulas nas escolas do interior antes de completar os 200 dias aula exigidos e este ano começa as aulas em março. De novo não terá 200 dias aula. Marcos Palmeira mostrou porque: “Tudo isso para economizar com o transporte escolar e com a merenda escolar. O que menos preocupa é o aprendizado do aluno, mas sim o pagamento do transporte escolar e com a merenda”.

E foi direto na ferida que deixa à mostra o desvio: “Mas não sei porque essa preocupação! Ele pagou ano passado mais de 5 milhões de reais e pelo que sabemos ele deve mais 5 milhões com transporte. Esse ano ainda não teve aula, mas ele já gastou quase um milhão com a empresa de transporte que presta serviço ao município! ”

O que já deu cadeia para outros gestores Zé Filho faz sem temer e sem tremer: Embolsa o desconto dos financiamentos consignados. Nada de repassar à instituição financeira e Marcos arremata: “Que o diga a Caixa Econômica Federal! ”

Mostrou que a oposição “tem sido combativa”: Condenou a lei que criou os cargos de marajás, lutou contra a taxa de água e fiscaliza a merenda nas escolas. Denuncia os desvios. Tem ido ao Ministério Público. Elogiou a ação da sociedade civil organizada, a APLB, o sindicato dos servidores.

E deplorou a situação do povo do interior do município: “A situação está ruim aqui na cidade? Nossos irmãos do interior estão piores. Um ano e dois meses de gestão e não há um metro de estrada patrolada, um barreiro limpo, um poço artesiano instalado”.

“A partir de agora vamos cobrar mais ainda! ” – Garantiu em nome da oposição. Acompanharam Marcos os vereadores Didi, Marechal, João do Pinga Pinga e Humberto; o Presidente do PC do B em Remanso, Vavá Costa e o Presidente do PR, Eulálio Braga.

 

ASCOM PC do B – Remanso




GOVERNO BAHIA

Bahia ganhará quatro novos cursos de medicina pelo Mais Médicos

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

A Bahia ganhará quatro novos cursos privados de medicina: em Irecê, Brumado, Porto Seguro e Valença. Os municípios foram selecionados pelo 2º edital do Ministério de Educação de expansão de novas vagas pelo Programa Mais Médicos. Se não houve atraso nos prazos, é possível que já haja seleção vestibular para novas turmas ainda no segundo semestre deste ano.
O segundo edital foi lançado em 2015 ainda pela presidente Dilma Rousseff, mas o processo de seleção foi paralisado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) ainda naquele ano. Na tentativa de destravar o edital, o deputado federal Jorge Solla (PT-BA), coordenador na Bahia da Frente em Defesa da Implantação dos Cursos de Medicina, participou de reuniões com ministros do TCU e esteve até com o ministro da Educação do governo Temer, Mendonça Filho, para tratar do assunto.
“Comprovamos juridicamente que o edital não tinha problemas, nos reunimos com a ministra Ana Arraes e ela destravou ainda em junho de 2016. Depois, a missão foi junto ao governo, que segurou a retomada da seleção por pressão das entidades médicas, que queriam um bloqueio de dez anos sem cursos de medicina. Estive com o ministro da Educação e articulamos para que os prefeitos também batessem lá. Da Bahia vieram Elmo, de Irecê, e Eduardo, de Brumado. A pressão deu resultado”, narrou o deputado petista.
Com a republicação do 2º Edital, o governo Temer modificou alguns critérios e municípios que antes estavam selecionados ficaram de fora: Senhor do Bonfim, Ribeira do Pombal e Euclides da Cunha. A próxima fase para os selecionados é a escolha da instituição de ensino privada que abrirá os novos cursos em cada município. juntam a Jacobina, Alagoinhas, Eunápolis, Itabuna, Juazeiro e Guanambi já abriram as primeiras turmas através do primeiro edital.



jr telecom

PAULO CÂMARA EM IBIMIRIM HOJE 22/02

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

O governador Paulo Câmara , inaugura Estádio Eduardo Campos, em Ibimirim; e dar por inaugurada a reforma e ampliação da Casa de Saúde Marcos Ferreira D’Ávila

Local: Rua projetada, n/s, bairro Lajes – Ibimirim/PE (Em frente à Escola Estadual Iracema Moura de Morais Veras)




jr telecom

Senado aprova proposta de Armando que dá rapidez à emissão de certidão negativa

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

O plenário do Senado aprovou, nesta quarta-feira (21), por unanimidade, projeto de lei que agiliza a emissão de certidão negativa de débitos, a quarta de cinco novas propostas listadas pelo senador Armando Monteiro (PTB-PE) para aumentar a competitividade das empresas. Outros três projetos novos com este objetivo já foram votados na Casa. Elogiado em plenário, entre vários outros, pelos senadores Jorge Viana (PT-AC) e Ana Amélia (PP-RS), o projeto, que segue agora ao exame da Câmara dos Deputados, fixa em dez dias o prazo máximo de expedição da certidão negativa de débitos e em seis meses o período de sua validade. Tais prazos já vigoram em normas da Receita Federal, mas como passam a ter força de lei são estendidos às legislações estaduais e municipais, padronizando o processo de emissão.
Os prazos para a emissão e validade da certidão negativa de débitos, justificou Armando Monteiro, contribuirão para eliminar os entraves às contratações das empresas em licitações do poder público e à obtenção de empréstimos em bancos oficiais. “O procedimento atual de emissão de certidão negativa é burocrático e caótico”, constata seu parecer.
Diz ainda o parecer que a exigência de certidão negativa de débito tributário é um dos maiores obstáculos ao desempenho de atividades empresariais que envolvem contratações governamentais. “Em inúmeros casos, a empresa contribuinte se vê obrigada a quitar débitos, mesmo que os considere indevidos, apenas porque, sem o pagamento, não pode continuar exercendo sua atividade”, completa Armando. Pelo projeto, o prazo de dez dias é contado a partir da entrada do requerimento no órgão governamental federal, estadual ou municipal.  Atualmente,  não existe padrão. O prazo é extremamente variável entre os diversos órgãos públicos.
Estabelece também que a verificação da regularidade do contribuinte será feita a partir dos fatos existentes no dia da requisição da certidão negativa. Hoje, a conta corrente da empresa com a Receita Federal é atualizada diariamente. No dia do pedido, a empresa pode estar em dia com todas as suas obrigações, mas podem ocorrer, nos dias seguintes, antes da emissão da certidão, problemas como erros de preenchimento de formulários, por exemplo,  e a certidão não é emitida.
“O projeto ataca na veia o chamado Custo Brasil”, enalteceu o senador José Serra (PSDB-SP), enquanto a senadora Kátia Abreu (sem partido -TO) disse que a medida “libera a energia empreendedora do brasileiro”.  Segundo os senadores Reguffe (sem partido-DF) e Fátima Bezerra (PT-RN), a iniciativa desburocratiza e simplifica o ambiente de negócios no país.
MAIS PRODUTIVIDADE – O projeto integra o relatório do Grupo de Trabalho da Produtividade, coordenado por Armando, ano passado, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Outras 15 propostas, em tramitação no Senado e na Câmara, fazem parte do relatório do grupo de trabalho. Um dos três projetos novos sugeridos pelo grupo de trabalho votados no Senado elimina a maioria das micro e pequenas indústrias da obrigação do recolhimento antecipado do ICMS (substituição tributária).
Um outro projeto aprovado no plenário amplia a isenção do ISS (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) nas exportações de serviços. O quarto projeto – uma resolução do Senado – estabelece o comparecimento semestral à CAE do ministro-chefe da Casa Civil ou de outro ministro designado pelo governo para prestar contas das ações governamentais destinadas a aumentar a produtividade da economia. A primeira audiência na CAE está marcada para 27 de março.
Para o senador pernambucano, no momento em que o país começa a sair da recessão, embora lentamente, quanto mais rápido se melhorar o ambiente de negócios, como estabelecem os projetos já aprovados,  também mais rapidamente a economia será reativada. “O tema da produtividade é uma agenda central e prioritária para criar as condições de um novo ciclo de crescimento econômico”, assinala o relatório do grupo de trabalho que foi coordenado por Armando Monteiro.
Foto: Ana Luiza Sousa/Divulgação



GOVERNO BAHIA

Prefeito Paulo Bomfim articula liberação de recursos em Brasília

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

Nesta quarta-feira, 21, o Prefeito Paulo Bomfim encontra-se em Brasília, acompanhado do Chefe de Gabinete Vilmar Ferreira, articulando liberação de recursos para início de obras em Juazeiro. O Prefeito visitou o Ministério dos Esportes e Ministério dos Transportes Terrestres e Aquaviário, além do Gabinete do Senador Hélio José. O Deputado Federal Daniel Almeida e a Senadora Lidice da Matta acompanharam Paulo Bomfim durante as visitas.

No Ministério dos Esportes, o Prefeito teve audiência com o Secretário Nacional Leandro Cruz Froés e solicitou liberação de recursos para o projeto do Centro de Iniciação ao Esporte. “O CIE vai funcionar na área externa do Ginásio de Esportes Aloísio Viana. A obra foi aprovada ainda na gestão de Dilma e já está licitada, inclusive com a empresa executora de contrato assinado. Saindo a primeira parcela dos recursos, a obra já pode ser iniciada. Ela tem valor previsto em mais de R$3 milhões e vai construir uma série de equipamentos esportivos para que possa pegar os talentos de alto rendimento e fazer a iniciação propriamente dita aos esportes de competição”, explica Paulo Bomfim.

No Ministério dos Transportes Terrestres e Aquaviário, Paulo Bomfim esteve com o Secretário Nacional Luciano Castro buscando recursos para finalização de obra na BR 235. “Precisamos terminar os 4km restantes da BR 235, no trecho entre Juazeiro e Pinhões e viemos tratar disso. O Secretário Luciano Castro foi atencioso ao nosso pedido e acreditamos que logo a obra volta a acontecer”, disse.

Travessia Urbana

“Com o Senador Hélio José nós discutimos o retorno da obra da Travessia Urbana e a inclusão dos recursos em seu orçamento, para licitação dos viadutos. Essa vinda a Brasília foi de extrema importância, pois em todos os lugares onde estivemos buscando melhorias para Juazeiro, recebemos respostas positivas. Inclusive, sobre a Travessia Urbana temos certeza da liberação, pois a nossa parte já está tudo pronto. Essa é a nossa forma de trabalhar, buscando parcerias, para continuar a melhorar a vida das pessoas.”, conclui Paulo Bomfim.




jr telecom

Lula lança pré-candidatura em BH: ‘Estou candidato’

Postado em 22 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

Lula em Minas Gerais

Lula em Minas GeraisFoto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

“Eu não respeito a decisão que foi tomada contra mim porque sei que ela é mentirosa, política e não está baseada nos autos do processo”, afirmou

Por: Folhapress

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou na noite desta quarta-feira (21) que não respeita a decisão judicial que o condenou por corrupção e que pode impedir que ele dispute a Presidência. “Eu não respeito a decisão que foi tomada contra mim porque sei que ela é mentirosa, política e não está baseada nos autos do processo.”

“Estou candidato”, disse em Belo Horizonte a militantes de esquerda reunidos no espaço de eventos Expominas. “Não tenho medo, podem até tentar me prender”, completou. O ato marcou o lançamento da candidatura do petista no Estado segundo a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), que também discursou.

Sobre seus adversários políticos, Lula disse querer que eles “tenham vergonha na cara e respeitem o resultado eleitoral”. “Aprendam a lamber suas feridas”, afirmou, lembrando que perdeu as eleições três vezes antes de chegar à Presidência. Lula voltou a dizer que as acusações de corrupção contra ele são mentiras criadas com o objetivo de tirá-lo da disputa eleitoral.

“Parte do Judiciário, da Polícia Federal, do Ministério Público e da imprensa, liderada por Globo e ‘Veja’, resolveram demonizar o PT”, afirmou. “A imprensa vai transformando mentira em verdade. O que eles não sabem é que o povo me conhece. Duvido que tenham a consciência tranquila como eu tenho.”

O petista não voltou a fazer críticas à intervenção militar determinada pelo presidente Michel Temer (MDB) no Rio de Janeiro. Pela manhã, Lula havia dito que Temer está usando a intervenção para “se cacifar” para a eleição presidencial.

Nesta quarta o petista esteve em acampamento do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) e em um antigo centro de tratamento da hanseníase na região metropolitana de BH.

Aniversário
O ato desta quarta também marcou a comemoração de 38 anos de fundação do PT.
Estiveram presentes o governador de Minas, Fernando Pimentel (PT), além de deputados e dirigentes petistas. A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) chegou a ser anunciada, mas não compareceu.




Governo Pernambuco

Rodrigo Novaes solicita instalação de GERES no Sertão do Itaparica

Postado em 21 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria

O deputado Rodrigo Novaes (PSD) solicitou, nesta quarta-feira (21), ao governador de Pernambuco, Paulo Câmara, a instalação da 13ª Gerência Regional de Saúde (GERES) no sertão do Itaparica. “Esta é uma grande conquista para a região, que atualmente se divide em três gerências”, comentou o parlamentar. Participou da reunião, o secretário de Saúde do Estado, Dr. Iran Costa.

Para o vice-líder do governo, é fundamental a implantação desta GERES, que dará suporte e fortalecerá todos os serviços saúde de municípios como Floresta, Carnaubeira da Penha, Belém do São Francisco, Itacuruba, Petrolândia, Tacaratu e Jatobá. “Serão feitos os encaminhamentos e ações de prevenção, regulação dos pacientes, além da instalação posterior de Unidades Pernambucanas de Atenção Especializada (UPAE) para atendimento a população”, relatou.

O projeto da implantação da GERES será apresentado ao governo do Estado na próxima segunda (26). “Nos próximos dias devemos ter uma definição. Pela manifestação positiva e imediata do governador ao nosso pedido, estou convicto de que dará certo. Vamos continuar trabalhando para que isso aconteça o mais breve”, finalizou.

Foto: Roberto Soares




Governo Pernambuco

RESSACA DO CARNAVAL NO CANTO DO JULHÃO DIA 24/02

Postado em 21 de Fevereiro de 2018 por Josélia Maria




jr telecom