Destaques

Arrasta-pé continua nesta segunda em várias cidades de Pernambuco

[1250] São João do Recife Foto: Andrea Rego Barros/divulgação/PCR Por: FolhaPE Para quem ainda ...

Filho de Luciano Huck mostra evolução após cirurgia no crânio e deixa a UTI de hospital no Rio

Foto: Reprodução/Instagram Por: FolhaPress – FolhaPress Benício Huck, 11, filho do meio d ...

Mulher morre após ser jogada pelo marido de primeiro andar no Alto Santa Terezinha

Foto: Reprodução Facebook Diário de Pernambuco Uma mulher morreu após ser empurrada pelo marido ...

BANCA CL RIO INFORMA A EXTRAÇÃO DAS 13H30

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

 

 

1º  9897  – 25

2º  0845 – 12

3º 1320-05

4º 3280-20

5º 5644-11




jr telecom

Gabriel Diniz é homenageado na noite em que se apresentaria no São João de Petrolina

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

A sexta noite de forró no Pátio de Eventos Ana das Carrancas atraiu uma multidão de forrozeiros apaixonados, que foram seduzidos pelas grandes atrações que prometiam muito romantismo. Cinco atrações subiram ao palco e fizeram o público dançar, cantar e se emocionar. O cantor Gabriel Diniz, que estava na programação desta quinta-feira (20), teve o nome mantido na grade de atrações pela Prefeitura de Petrolina e foi homenageado durante o evento.

A noite começou ao som do autêntico forró pé-de-serra, com Raimundinho do Acordeon. O artista fez todo mundo dançar agarradinho logo no início da festa. Na sequência, o cantor e compositor Dorgival Dantas machucou e apaixonou muitos corações, cantando os grandes sucessos da carreira. Ao fim do show, o cantor elogiou o trabalho do artista local. “Esse grande sanfoneiro, Raimundinho do Acordeon, estava abrindo essa noite maravilhosa, e eu aqui só escutando e esperando minha vez. Agradeço a Deus a oportunidade de mais uma vez participar do São João de Petrolina, já saio com saudade e esperando chegar o próximo ano”, comenta o poeta.

Após a segunda atração, houve um momento de valorização da cultura local, com a apresentação da quadrilha Danado de Bom, campeã do concurso promovido pela prefeitura neste ano. Do forró ao axé, Bell Marques fez o terceiro show da quinta-feira. Ele fez o público tirar o pé do chão, com o repertório já conhecido e amado pelos fãs do cantor e da banda ‘Chiclete com Banana’.

No intervalo entre as bandas, o público foi surpreendido com uma homenagem feita pela Prefeitura de Petrolina ao cantor Gabriel Diniz, morto em um acidente de avião no fim do mês passado. O artista, que desde 2017 estava presente na programação do São João, tinha marcado a apresentação em Petrolina para o dia 20 de junho. Nos telões, foram exibidos vídeos que lembraram do carisma e da irreverência do cantor. Foram incluídas fotos do artista, capazes de transmitir a essência de alegria que carregava em si, além dos registros de shows que ele fez na cidade. Muitas pessoas se emocionaram e usaram o celular para registrar o momento.

A dupla sertaneja, Jorge e Mateus, era a mais esperada da noite. Com um repertório romântico, eles atraíram uma legião de fãs. Os artistas não decepcionaram quando cantaram sucessos como ‘Amo noite e dia’ e ‘Aí já era’. Gustavo Mioto, responsável pelo sucesso de ‘Solteiro não trai’, uma das músicas mais tocadas durante o São João, encerrou a sexta noite de festa.

Fotos: Jonas Santos




jr telecom

BANCA CL RIO INFORMA A EXTRAÇÃO DAS 11H30

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

 

 

1º   1871 – 18

2º  0845 – 12

3º   9840 – 10

4º  1026 – 07

5º  1976 – 19





Cultura da cana-de-açúcar é destaque na geração de empregos em Juazeiro da Bahia

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

image-93987

Cultura que mais contribui para as conquistas de Juazeiro – BA no segmento de geração de empregos, a cana-de-açúcar vem ampliando sua participação, ano a ano, no saldo de contratações com carteira assinada.

Se em 2018, por exemplo, o município conquistou o título de maior gerador de empregos da Bahia, com mais de 2.000 novos postos de trabalho, segundo dados do Cadastro Geral de Empregos e Desempregados (CAGED), sistematizados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), mais da metade desses números (61% do total dos contratados) vieram dos canaviais da usina Agrovale.

No último mês de abril, o CAGED voltou a revelar o saldo de contratações com carteira assinada e o município tornou a chamar a atenção, agora como a 1ª cidade do interior do Nordeste na geração de empregos. E o setor sucroalcooleiro repetiu a performance na criação de vagas formais e geração de renda.

image-93988

Com um ambiente de trabalho voltado para o apoio e o crescimento profissional do trabalhador, a Agrovale emprega atualmente 4,692 trabalhadores, distribuídos em 3.750 na produção agrícola; 493 no setor administrativo e 449 na área industrial.

Valorização

De acordo com o diretor Financeiro e TI da Agrovale, Guilherme Colaço Filho, trata-se de uma equipe focada nas práticas socioambientais para aplicação de um modelo sustentável. “Oportunizamos um emprego que valoriza as pessoas e as faz crescer profissionalmente respeitando um ao outro”, pontuou.

Segundo o cortador de cana, Marcos Antônio Bezerra, de 35 anos, que já atua na empresa há 10 safras e é um dos representantes dos trabalhadores junto ao sindicato da categoria, o ambiente na Agrovale é mesmo de crescimento e incentivo. Este pernambucano de Granito chegou à Juazeiro há 10 anos para trabalhar numa safra e aqui ficou.

Hoje, casado e pai de dois filhos, Marcos diz que gosta muito do que faz. “Trabalhamos com a proteção dos EPIs, com ferramentas adequadas, alimentação fornecida pelo restaurante da empresa e o apoio do posto de saúde com médico, enfermeiros e ambulância de plantão”, adiantou.  Morador do bairro Jardim Primavera, o filho mais novo, Marcos Vinicius, de 9 anos, estuda na Escola Mandacaru, uma das duas unidades de ensino mantidas pela empresa. A filha Izanubia Patrícia, 22 anos, concluiu o ensino médio e já trabalha por conta própria com equipamentos patrocinados pelo pai.

Outro exemplo da empresa que vem da área industrial, o ajudante, Natanael Gomes de Vasconcelos, de 21 anos, há oito meses na Agrovale, chegou na última safra com um contrato temporário e foi admitido no quadro ativo. Juazeirense, morador do Residencial Juazeiro 1, casado, Natanael, concluiu o ensino médio, diz que aprendeu muito na empresa e hoje conhece o trabalho de vários setores. “Sonho em crescer na profissão chegando a um cargo de liderança e aqui vejo possibilidades por que a Agrovale incentiva as vocações oferecendo capacitações e treinamentos para nosso desenvolvimento pessoal e profissional”, finalizou.

Referência internacional em produtividade de cana-de-açúcar em área irrigada, a Agrovale é considerada hoje a maior empresa produtora de açúcar, etanol e bioeletricidade da Bahia. Com uma área cultivada de 17 mil hectares a meta para essa safra é a produtividade média de 120 toneladas de cana por hectare e a produção de 115 mil toneladas de açúcar, 70 milhões de litros de etanol e geração de 63.000 MWh/ ano de energia elétrica gerada a partir do bagaço da cana.





Petrolina tem o São João mais caro do país Cachês dos artistas chegam a duplicar no São João do Sertão Pernambucano

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

Foto:Internet

Cachês dos artistas chegam a duplicar no São João do Sertão Pernambucano

Porque Petrolina tem o São João mais caro do Nordeste Brasileiro? Começamos pontuando que, entre os grandes eventos que abrangem praticamente todo o mês de junho, Petrolina não aparece. De acordo com o Ministério do Turismo, estão as festas nas cidades de Caruaru (PE), Campina Grande (PB) e Mossoró (RN). No entanto, os cachês artísticos de Petrolina aparecem no topo do ranking.  A diferença entre Petrolina, Caruaru e Santa Cruz, por exemplo, é astronômica.

Cachês que vão de R$ 5 mil a 500 mil. Artistas locais e que mantém a cultura nordestina com o autêntico forró chegaram a desistir de se apresentar por causa do valor ofertado, enquanto isso, grandes artistas do mercado fonográfico, mesmo cantando outro gênero musical, fazem questão de se apresentar no São João de Petrolina. Porquê?

Foram R$ 6.489.000 (seis milhões, quatrocentos e oitenta e nove mil reais) dispensados para a realização da edição 2019, no Pátio Ana das Carrancas. Destes, apenas 2 % destinados as atrações regionais, 32% para as atrações Jorge e Matheus (R$ 490 mil), Wesley Safadão (R$ 430 mil), Gusttavo Lima (R$ 400 mil), Ivete Sangalo (R$ 400 mil) e Henrique e Juliano (R$ 390 mil) que aparecem no top 5 da lista dos artistas mais caros do São João de Petrolina, somadas deu um custo de R$ 2.110.000. O restante rateado entre as outras atrações da festa.

Em Caruaru, festa tradicionalmente conhecida no mundo, o cachê de Wesley Safadão, por exemplo, foi de R$ 280 mil, já em Petrolina foi cobrado quase o dobro. Xand Aviões cobrou um cachê de R$ 300 em Petrolina, já em Caruaru recebeu R$ 260 mil; Marília Mendonça arrematou um cachê em Petrolina de R$ 380 mil, já em Caruaru R$ 300 mil; Elba Ramalho R$ 190 mil em Petrolina e R$ 175 mil na capital mundial do Forró, aí segue por Dorgival Dantas – R$ 90 mil em Petrolina e R$ 80 mil em Petrolina; Bruno e Marrone – R$ 270 mil em Petrolina e R$ 220 mil em Petrolina. Alok cobrou R$ 230 mil para tocar na festa de São João, mas em Petrolina esse show custou R$ 250 mil. Como diz o ditado popular: “de grão em grão a galinha enche o papo”.

Alguns artistas regionais estão na programação do São João de Petrolina. Ao contrário do que se esperava um São João com a manutenção da cultura nordestina, poucos foram valorizados, e não só no valor dos cachês, mas foram prejudicados também na grande da programação, alguns não chegaram a um público de mil pessoas, como foi registrado durante suas apresentações. Entre os regionais Maciel Melo, cantor petrolinense, é o único que se destaca entre os artistas com cachês um pouco mais altos: R$ 60 mil. Raimundinho do Acordeon – R$ 6.500; Trio Grannah – R$ 5.500
Adãozinho de Rajada – R$ 5 mil; Andréa Vitória – R$ 5 mil; Fabiana Santiago – R$ 5 mil; Gervilson Duarte – R$ 5 mil. Alguns artistas locais nem subiram no palco.

Confira a lista completa dos cachês do São João de Petrolina (por ordem dos mais caros)

Jorge e Matheus – R$ 490 mil
Wesley Safadão – R$ 430 mil
Gusttavo Lima – R$ 400 mil
Ivete Sangalo – R$ 400 mil
Henrique e Juliano – R$ 390 mil
Marília Mendonça – R$ 380 mil
Xande Aviões – R$ 300 mil
Zé Neto e Cristiano – R$ 300 mil
Zezé Di Camargo & Luciano – R$ 275 mil
Bruno e Marrone – R$ 270 mil
Luan Santana – R$ 260 mil
Alok – R$ 250 mil
Bell Marques – R$ 250 mil
Matheus e Kauan – R$ 250 mil
Elba Ramalho e Geraldo Azevedo – R$ 190 mil
Michel Teló – R$ 180 mil
César Menotti e Fabiano – R$ 165 mil
Mano Walter – R$ 135 mil
Gustavo Mioto – R$ 130 mil
Márcia Fellipe – R$ 115 mil
Jonas Esticado – R$ 100 mil
Saia Rodada – R$ 100 mil
Dorgival Dantas – R$ 90 mil
Jorge de Altinho – R$ 80 mil
Banda Magníficos – R$ 80 mil
Avinne Vinny – R$ 70 mil
Cavaleiros do Forró – R$ 70 mil
Devinho Novaes – R$ 70 mil
Maciel Mello – R$ 60 mil
Wallas Arraes – R$ 60 mil
Solteirões do Forró – R$ 40 mil
Vitor Fernandes – R$ 30 mil
Guilherme Dantas – R$ 20 mil
Elisson Castro – R$ 17 mil
Wawa Pinho – R$ 10 mil
Raimundinho do Acordeon – R$ 6.500
Trio Grannah – R$ 5.500
Adãozinho de Rajada – R$5 mil
Andréa Vitória – R$ 5 mil
Fabiana Santiago – R$ 5 mil
Gervilson Duarte – R$ 5 mil

Em Caruaru, a Fundação de Cultura e Turismo publicou no Diário Oficial do município os extratos de contratos das atrações que fazem parte da grade da programação do São João 2019. Os cachês mais altos com R$ 300 mil são da cantora Marília Mendonça e da dupla Zé Neto e Cristiano

Confira a lista divulgada dos cachês em Caruaru:

Zé Neto e Cristiano – R$ 300 mil
Marília Mendonça – R$ 300 mil
Xand Avião – R$ 260 mil
Alok – R$ 230 mil
Bruno e Marrone – R$ 220 mil
Bell Marques – R$ 220 mil
Elba Ramalho – R$ 175 mil
Mano Walter – R$ 160 mil
Alceu Valença – R$ 120 mil
Saia Rodada – R$ 100 mil
Alcymar Monteiro – R$ 100 mil
Jonas Esticado – R$ 100 mil
Avine Vinny – R$ 80 mil
Dorgival Dantas – R$ 80 mil
Tayrone – R$ 75 mil
Fulô de Mandacaru – R$ 70 mil
Santanna – R$ 65 mil
Mastruz com Leite – R$ 65 mil
Cavaleiros do Forró – R$ 60 mil
Batista Lima – R$ 60 mil
Maestro Mozart e a Orquestra de Pífanos de Caruaru – R$ 60 mil
Petrúcio Amorim – R$ 50 mil
Luan Estilizado – R$ 50 mil
Os Bianos – R$ 35 mil
Forró Vumbora – R$ 30 mil
Irah Caldeira – R$ 25 mil

Cachês de alguns artistas que também vão tocar em Santa Crus de Capibaribe:

O Diário Oficial do Estado de Pernambuco (DOEPE) divulgou os cachês de algumas atrações que se apresentarão no Palco da Moda, o principal do São João de Santa Cruz.

Entres as grandes atrações, os maiores cachês são do cantor Wesley Safadão com R$ 280 mil e Gusttavo Lima pelo valor de R$ 250 mil.

Confira a lista dos artistas e cachês:

Wesley Safadão: R$ 280 mil

Gusttavo Lima: R$ 250 mil

DJ Alok: R$ 220 mil

Leonardo: R$ 180 mil

Márcia Felippe: R$ 110 mil

Solteirões do Forró: R$ 75 mil

Jorge de Altinho: R$ 55 mil

Amigos Sertanejos: R$ 30 mil

Renno: R$ 25 mil

Forró dos Bossas: R$ 20 mil

image-93982

O líder da Bancada de Oposição, vereador Paulo Valgueiro, frisa que não há justificativa para o valor dos cachês saltarem num número tão astronômico, sem contar com os altos preços das taxas cobradas na festa, como estacionamento, bebidas, alimentos, cobranças indevidas aos barraqueiros, ambulantes e até os garçons tiveram que pagar para trabalhar. “Solicitei da Casa Plínio Amorim a licitação, mas os vereadores tentando blindar o prefeito negaram meu requerimento, mas vamos analisar o processo licitatório e verificar ponto a ponto. O prefeito pode até não ter feito nenhuma falcatrua, mas no momento em que os vereadores de sua bancada tentaram blindar o Governo, levantou suspeitas. Porque não quiseram dar informações sobre o São João de Petrolina 2019? Os vereadores do prefeito tentaram acobertar a licitação do São João, isso sim nos levantou suspeitas e estamos atentos e vamos investigar porque os custos do São João saltaram tanto, porque os preços estão abusivos, o porque a atual gestão optou por privatizar a festa que era para ser popular e do povo de Petrolina”, finalizou Valgueiro “O São João de Petrolina é o São João da extorsão”.

Fonte:ASCOM




jr telecom

FOTOS DE TAPETES NO DIA DE CORPUS CHRISTI EM PETROLINA

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria




jr telecom

Programação musical do São João de Uauá começa nesta sexta-feira (21)

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

Começa nesta sexta-feira (21), a programação musical do São João de Uauá-BA 2019. A festa realizada na Praça São João Batista, centro da cidade, segue até o domingo (23) com a expectativa de receber cerca de 30 mil pessoas durante todo período festivo.

Com o tema “Choveu no Sertão, Viva São João”, os festejos em homenagem ao padroeiro da cidade também vão celebrar o período de chuvas na região. As comemorações em Uauá já vêm acontecendo desde o dia 15 de junho com novena, alvoradas, entrega de ramo, passeatas, leilões e outras atividades culturais.

Para o dia da abertura, a programação conta com cinco atrações. Às 15h, na Matinê de São João, o cantor Rodrigão será o primeiro a se apresentar. E à noite, a partir das 22h, sobem ao palco Batista Lima, Os 3 do Cariri, Gil Mourão, Rodrigo Mascarenhas e Tinho do Acordeon.

Confira a programação musical

Dia 21 – Sexta-feira

Rodrigão

Batista Lima

Os 3 do Cariri

Gil Mourão

Rodrigo Mascarenhas

Tinho do Acordeon

Dia 22- Sábado

Rennan Mendes

Roberto Dantas

Moleca 100 Vergonha

Vaninho San

Ranieri

Cláudio Barris

Dia 23 – Domingo

João Sereno

Nilton Freittas

Marcelo e Rayane e Forró da Malla

Raimundinho do Acordeon

Canários do Rei




jr telecom

Presidente do Senado Davi Alcolumbre recebe o empresário pernambucano Antônio Souza

Postado em 21 de junho de 2019 por Josélia Maria

O Presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM) , recebeu em sua residência o amigo pessoal e empresário pernambucano Antônio Souza ,que chegou acompanhado dos filhos Anthony e Luan, para falarem
sobre a criação da Zona Franca do Semiárido Nordestino, Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 19/2011, de autoria do deputado paraibano Wilson Filho, com a relatoria do Deputado Federal pernambucano Gonzaga Patriota(PSB).

“A proposta é a libertação do semiárido e vai trazer a ampliação da qualidade de vida do sertanejo, que sofre com a alta carga tributária, além da dificuldade de acesso ao crédito. Foi esse assunto que tratei com o Presidente do Senado,”disse Antônio Souza ao Blog.




jr telecom