Adolescentes jogam coquetel-molotov em Escola Municipal de Juazeiro

Adolescentes jogam coquetel-molotov em Escola Municipal de Juazeiro

Imagem ilustrativa

O Blog recebeu a informação que   terça-feira (13), adolescentes jogaram dois coquetel -molotov dentro de uma sala de aula na Escola Municipal  Dinorah Albernaz, bairro Itaberaba,Juazeiro-BA,provocando pânico  em  alunos e funcionários .”Cenas de puro terrorismo e não foi divulgado.A secretaria abafou o caso, mas os adolescentes foram apresentados pela Guarda Municipal na delegacia de policia”,relatou o policial que não quis ser identificado .

HISTÓRIA

Trata-se de uma bomba incendiária de fabricação caseira: uma garrafa cheia de combustível com um pavio no gargalo. Esse tipo de arma existe desde que se descobriram os poderes inflamáveis da gasolina, mas o nome surgiu na Segunda Guerra Mundial. Os guerrilheiros soviéticos utilizavam armas domésticas como essa para atacar o exército alemão e resolveram prestar uma homenagem ao chanceler (ministro das Relações Exteriores) e então presidente do Conselho de Ministros da antiga União Soviética: Vyacheslav Mikhailovich Molotov (1890-1986). O próprio chanceler chegou, inclusive, a encomendar uma grande quantidade de garrafas para atacar os invasores.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar