OROCÓ: SOBRINHO DE ESPOSA DO PREFEITO RESPONDE MATÉRIA DE ORDEM ECONÔMICA DA PREFEITURA

OROCÓ: SOBRINHO DE ESPOSA DO PREFEITO RESPONDE MATÉRIA DE ORDEM ECONÔMICA DA PREFEITURA

Com relação a matéria postada no Blog “OROCÓ e mais 33 cidades de Pernambuco podem ficar sem receber recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), recebo a informação de um jovem conhecido por Ricardo Amando, sobrinho da esposa do prefeito , que o município já está em situação regular.

Relembre

Mais de 30 cidades pernambucanas podem ficar sem receber recursos do governo federal referentes aos Fundos de Participação dos Municípios (FPM) e às transferências voluntárias (convênios). Isto porque as gestões municipais ainda não encaminharam ao Ministério da Saúde os dados referentes à prestação de contas do último biênio de 2019, e o prazo se encerrou neste domingo (1º).

As informações foram consultadas no portal do Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde (SIOPS). O último registro de acompanhamento destes dados feito pela reportagem do site PE Notícias foi realizado na tarde da última sexta-feira,28/02, e ,não tinha registro de documento da Prefeitura de Orocó.

O que chama a atenção do Blog é que um jovem de nome RICARDO AMANDO (sobrinho da esposa do prefeito ) envia através de WathsApp um documento que é de responsabilidade do Setor Financeiro da Prefeitura Municipal , afirmando que a matéria não procede.

Vejam a conversa:Realmente o documento foi entregue no dia 28/02 , depois da matéria e disponível no site SIOPS hoje (04).

O Ministério Público e os órgãos de fiscalização acham normal uma pessoa que não é funcionário andar com o serviço financeiro de uma prefeitura no WathsApp?

Em Orocó a prefeitura passa informação pra qualquer um cidadão ou esse é especial?

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar